Antifa kills Meme

Extra: “O” Cântico.
PS: eu colocava aqui o NPC meme, mas não quero o twitter deste blog eliminado, por isso peço-vos que goglem “NPC” e vejam por vocês a esquerda a colapsar mentalmente.

Anúncios

Mulher ganha concursos caninos (UK)

Homem transgénero identifica-se como cão

Tony McGinn nasceu mulher, mas é um homem transgénero que se identifica como cão. E é treinado pelo seu marido, Andrew: “Eu dou-lhe muita atenção e digo que ele é um ‘lindo menino’.”
Progresso, dizem eles. Enfim…

EUA: Progressistas 8%, Conservadores 25%

O estudo é mesmo interessante. Podem consultar AQUI.

Em Portugal não se fazem questões assim…

Dilma e a sua humilhação

Dilma humilhada nas urnas após dizer que o golpe seria derrotada no voto. A falsa tese não foi comprada pela população, no Reaccionário.

O El País destaca a derrota de Dilma Rousseff para o Senado sob um prisma interessante: é a segunda derrota da petista na política. E também a segunda derrota para o mesmo fenômeno: a onda conservadora que parece ter tomado conta do país.
Isso é de fato muito complicado para alguém com a biografia da ex-presidente. Uma mulher tão insistente em suas posições (todas elas erradas), resolveu adotar a tese estapafúrdia do golpe. Um golpe apoiado nas ruas por milhões de brasileiros – incluindo ex-eleitores que se sentiram traídos ou insatisfeitos com os rumos que Dilma deu ao país.
Durante dois anos a extrema-esquerda defendeu a tese do golpe, dizendo que governo se substitui nas urnas. Durante dois anos forçaram a tese de que Dilma foi derrubada por ser mulher, honesta e acima dos interesses políticos mais mesquinhos. No final acabaram refutados pelos fatos, visto que Dilma se provou uma mulher corrupta, mesquinha e dada a diversos conchavos.
Adoro as narrativas que o PT inventa para se tentar manter no poder: a tese do golpe, a tese do patriarcado contra uma mulher, ainda por cima “honesta e e acima dos interesses políticos mais mesquinhos”. Pelo amor da Santa!
Não. Dilma caiu porque o povo estava cansado. Cansado das mentiras, das estratégias de marketing variáveis (exemplo ridículo), da corrupção, do roubo e da prepotência. Finalmente!

Quem tem mais eleitores internautas no Brasil?

Bolsonaro conta com 34 milhões de eleitores conectados à internet em comparação aos 23 milhões de Haddad

Levantamento feito pela Bites, consultoria de análise de dados e tendências, aponta que o candidato do PSL ao Planalto, Jair Bolsonaro, conta com 34 milhões de eleitores conectados à internet ante 23 milhões do candidato petista Fernando Haddad.

De acordo com a Bites, são essas pessoas que produzirão conteúdo nas redes sociais ou ajudarão a disseminar informações sobre os dois políticos até 28 de outubro, dia em que a votação de segundo turno será realizada.

Ouvi nos últimos dias, prefiro nem dizer de quem, mas é de um político conhecido de todos, uma caracterização dos eleitores de Trump e Bolsonaro como sendo (entre outras coisas) info-excluídos (!).

Na realidade dos 57 milhões de brasileiros que são internautas e que votaram num dos dois principais candidatos na primeira volta, 60% votaram Bolsonaro, 40% votaram no petista. Essa narrativa, como se percebe, é Fake News.

Venezuela assume-se

Venezuela de Maduro assume ser uma ditadura, no Globo:

Intervenção do Judiciário, aliado do presidente, na Assembleia Nacional configura grave ruptura constitucional e golpe de Estado.

Não se esperam comentários de Mariana Mortágua e Catarina Martins.