Desnecessário e provocador

US fury as Israel approves 900 new housing units in Gilo settlement
Strained relations between Israel and the United States hit a fresh low yesterday when the State Department condemned the construction of 900 new housing units in an East Jerusalem settlement suburb as “dismaying”.
Britain also condemned the controversial decision by Israel to go ahead with the major construction project in Gilo, which was built on land conquered in the 1967 war, calling the move “wrong.”

(Fonte:Times)

Israel parece continuar mais interessado em conquistar território do que no processo de paz.

9 pensamentos sobre “Desnecessário e provocador

  1. Jerusalém é em Israel; a parte oriental foi conquistada numa guerra iniciada pelos árabes. Por que diabo não hão de construir lá?
    Se calhar não devíamos construir mais no Algarve para não despertar hostilidades ou não está a par das pretensões de reconquista muçulmana do al-Andalus?

  2. Marafado Individualista

    Luís Cardoso, não hão de construir lá por causa de uma coisa chamada a Quarta Convenção de Genebra e do conceito de propriedade privada. Lá por territórios terem sido conquistadas por uns países ao outros não quer dizer que as mesmas não tenham donos privados e a sua propriedade não deva ser respeitada.
    Se o Luís Cardoso for proprietário e tiver o azar de o país onde tem a propriedade se envolver numa guerra com o outro e este outro sair vencedor, acha que estes devem expropiar a sua propriedade e fazer com ela o que quiserem?

    E a não ser que tenha propriedades no Algarve deixe a região em paz, isto não é propriedade colectiva de um comissariado colectivista qualquer que decida se “devíamos” ou não construir mais, estas terras têm dono e cabe a cada um deles decidir o que fazer com elas.

  3. Marafado Individualista

    Luís Cardoso, recomendo também pegar num livro de história e instruir-se sobre a Guerra dos 6 Dias, o conceito de “iniciada” é muito relativo.

  4. lucklucky

    “Por definição, “processo de paz” é seja o que fôr que os EUA estejam a fazer no Médio Oriente.”

    Pois…farsa para empregar a Diplomatas. Não há processo de paz se o Hamas, o Irão e o Heezbalah não estiverem nele.

    Qunato ao Marafado Individualista devia informar-se se bombardear terras contra a vontade dos donos já não vale para iniciar uma guerra. Assim Como bloquear Portos.

  5. Toda a gente chama à guerra de 1967 “guerra dos 6 dias”, o que parece implicar que a guerra começou com o ataque áereo israelita (se assim não fosse seria “guerra dos dois meses” ou coisa assim).

    E bloquear portos ou estradas não conta com principio de guerra (embora bobardear terrenos talvez conte) – ninguém considera que, no bloqueio de Berlim, houve uma guerra entre a URSS e o Ocidente.

  6. Marafado Individualista

    Lucklucky, mais uma vez os livros de história têm informações sobre essa guerra relacionada com a conquista da tal cidade e como foi iniciada.

    Mas não percebi bem o seu ponto de vista, se se refere a eventos mais recentes e aos grupos que passam o tempo a atirar rockets em terras, eles estão a atirá-los maioritariamente para as terras deles, confiscadas pela potência ocupante. No estado de Israel as terras na sua esmagadora maioria não tem donos privados, são do ponto de vista legal propriedade colectiva do estado. As coisas por lá não funcionam como em qualquer sociedade de espirito capitalista, se alguém quer viver numa terra ou numa casa está dependente do que o estado lhe fornecer.

    Quanto a portos, naquele área do Mediterrâneo só me lembro de um país com o hábito e meios para bloqueá-los, portanto também não percebi bem o seu ponto de vista.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.