Branqueamento dos Crimes Comunistas

A propósito da proposta da Iniciativa Liberal de uma resolução de condenação dos crimes praticados pelo nazismo e pelo comunismo que foi chumada pelo PS, BE, PCP  e Verdes (fonte) – resolução esta que foi aprovada pelo parlamento europeu inclusivé com os votos favoráveis dos eurodepudados do PS (fonte), aplaudo o discurso da deputada luso-ucraniana da Assembleia Municipal de Lisboa Aline Gallasch-Hall de Beuvink do PPM, que denuncia apaixonadamente o Holodomor e outros crimes marxistas-comunistas branqueados pela “frente popular” há 45 anos instalada em Portugal.

Communism_Kills.jpg

De referir que o Partido Socialista desde a era António Costa, tem sempre procurado coligações e apoio nos partidos portugueses de extrema-esquerda que defendem não só os regimes comunistas como políticas comunistas. Políticas essas, que em todos os países onde foram implementadas, resultaram sempre em milhares e milhões de mortos assim como em fome, miséria e pobreza generalizadas.