Gloria Alvarez, Universidade Francisco Marroquín, e como avançar o Liberalismo

Hoje estive no lançamento do livro Juntos Somos Quase um 31 na FNAC e na Casa do Vinho Verde, e uma das conversas que surgiu foi sobre a única mulher que aceitou participar no livro das que foram convidadas: Gloria Álvarez.

Conhecendo a Gloria dos tempos em que eu participava em conferências de jovens por toda a Europa, creio que há aqui uma história que interessa contar pela lição que pode passar para Portugal: é que a Gloria não surgiu por acaso, sendo o resultado de um processo que interessa conhecer e divulgar.

Manuel Francisco Ayau nasceu na Guatemala em 1925 mas prosseguiu os estudos nos EUA onde em 1950 se formou como engenheiro mecânico pela Louisiana State University. Nesse período na América contactou com o mercado livre e achou que o socialismo tão presente nas economias latinas em geral e na da Guatemala em particular mantinha estes países subdesenvolvidos. Assim, em 1959 funda na Guatemala o CEES – Centro de Estudos Económicos-Sociales (wiki, site) para “estudar e difundir as ideias da liberdade”. Em 1971 funda a Universidade Francisco Marroquín, uma universidade privada e secular com o objectivo de “ensinar e disseminar os princípios éticos, legais e económicos de uma sociedade de pessoas livres e responsáveis”. Milton Friedman considerou esta uma das universidades líderes na América do Sul e no IREF considerava-se esta como a maior fonte de liberais na América Latina.

Foi assim que eu conhecia a Gloria no Liberty Seminar 2009 do IREF, em Leuven (Bélgica), onde ela se destacava como uma das melhores participantes do evento.
A apresentação dela foi focada na literatura que ela considerava importante (uma boa seleção, vários dos quais ela tinha levado na mala) e no caso concreto de como criar um grupo de jovens enérgicos e liberais, baseado no caso da Guatemala e da Universidade Francisco Marroquín.

Gloria Alvarez.JPG(ela é a 2ª na foto, eu sou o 6º)

Na altura fiquei amigo dela de Fb (perfil pessoal) e tenho também seguido a página profissional dela. É incrível como ela e o seu grupo têm crescido desde 2009. Criou o programa rádio, o podcast, 3 livros e em 2019 será candidata a presidente da Guatemala!
Os livros são uma leitura interessante: um é sobre o engano esquerdista e como o seu canto de sereia seduz os incautos, o 2º é sobre como falar com um progressista, e o 3º é como falar com um conservador – para os trazer para o Liberalismo.
Vejam a página profissional dela: está cheia de vídeos explicativos, analogias úteis e argumentos que podem usar nas vossas discussões pessoais. A maioria em Espanhol.

Gloria books.jpg

Gloria Presidente 2019.png

As ideias contam. A sua transmissão conta. A caneta é mais forte que a espada.

Desmantelemos o Populismo Através da Tecnologia

Excelente discurso da guatemalteca Gloria Alvarez intitulado Desmantelemos o Populismo Através da Tecnologia contra o populismo; e pela defesa do uso da razão e dos direitos naturais. A transcrição em Português (do Brasil) pode ser encontrada aqui.