Excesso de Mortalidade em Portugal

Os casos e mortes por COVID-19 têm tido uma atenção, relevância e importância tal, que as outras doenças e mortes por outras causas tem passado para segundo plano.

O excesso de mortalidade em Portugal em 2020 não relacionado com o COVID-19, não deixa pois de chocar e de revoltar. Faltará ainda contabilizar o efeito de todos os rastreios que foram adiados ou que simplesmente ficaram por fazer, algo cujo efeito só será possível observar a médio-longo prazo.

Entre 2 de Março [de 2020] quando os primeiros casos de COVID-19 foram diagnosticados em Portugal e 18 de Outubro, foram registadas 72519 mortes no território nacional, um aumento de 7936 mortes em relação à média dos últimos 5 anos. Destas mortes, 27,5% (2198) foram causadas por COVID-19.

A fonte deste post é este relatório do INE.

Leitura complementar:  Culpa do excesso de mortalidade não é do calor. Explicação “plausível” é menos cuidados de saúde

16 pensamentos sobre “Excesso de Mortalidade em Portugal

  1. voza0db

    Quanto à tanga da “Leitura complementar”

    Sempre que existem Vagas de Calor os velhos e as velhas – especialmente com idade acima dos 75 anos – começam a cair que nem tordos!

    E este ANO de 2020 não foi excepção!

    Mas como aquela ligação vai para a tanga do SAPO.

    Já quanto aos “menos cuidados de saúde, agradeçam ao caçador mor da república (“presidente”) e governo e deputados(as) terem criado as condições para que tal tivesse acontecido e continue a acontecer.

    ESCUMALHA…

  2. Olhando com cuidado para o gráfico que acompanha este post, vê-se claramente que as mortes em excesso ao longo de 2020 se concentram nos períodos das ondas de calor, nomeadamente eu julho e em setembro, que foram meses excecionalmente quentes.
    Portanto, é de presumir que a causa principal das mortes em excesso não foi a falta de cuidados médicos, e sim o calor excessivo.
    Mais uma razão para nos preocuparmos com o aquecimento global – e regional.

  3. Está aqui o estudo da Escola Nacional de Saúde Publica.

    32.5% das mortes em excesso atribuídos ao COVID,
    Mas a maioria à falta de cuidados médicos.

    Click to access excesso-de-mortalidade-colateral-temperaturas-e-no-de-atos-02.112020.pdf

    de referir que o total de mortes de 16 Março a 30 Setembro em excesso não é superior a 2 desvios padrão
    https://pt.wikipedia.org/wiki/Desvio_padr%C3%A3o

    E para as idades 0-44 até não há mortes em excesso mas um decréscimo de 1%

  4. Marques Aarão

    Causa direta, ou solteira a culpa?
    Uma posição trabalhada entre Costa e Marcelo que ouso questionar e classificar como uma incongruência tão disparatada como aflitiva.
    Estado de emergência preventivo?
    Essa figura existe politica, jurídica, laboral e constitucionalmente, e alguma vez teve aplicação prática em qualquer área de atividade?
    Ou será que a incompetência, solene ou em bruto, até inventa descaradamente causas e pretextos quando apertada por erros, omissões, ou negligência fatídica que até os tribunais podem abocar ?
    Quando muito, pelo que penso saber, perceberia aplicação de medidas preventivas em tempo útil, que são naturalmente acionada em primeiro lugar, de modo a evitar a eventualidade de situações trágicas de emergência, como ultimo recurso, que não se pode compadecer com tibiezas e adoçantes.
    O pecado que deve ser imputado sem sofismas é o de que passaram meses a dormir em estado de negação, sem ao menos equacionar uma sucessiva prevenção de riscos bem calibrada no tempo.
    Só agora, quando sentem os costados num braseiro é se querem mostrar acordados para a vida.
    Sem perdão!

  5. O SNS está dimensionado para responder a um determinado nível de procura. Se essa procura aumentar repentinamente mais 30% é óbvio a prestação de cuidados de saúde pelo SNS, por habitante, tem que baixar. Sobretudo se as entidades privadas não acorrerem a colmatar as falhas do SNS, como realmente aconteceu.

    A minha camioneta leva 10 toneladas de areia, não consegue transportar 13 ton,!

    Se não existisse SNS seria um desastre!

  6. voza0db

    Os seis salafrários que escreveram esse “trabalho” não passam disso mesmo. Salafrário e Corruptos.

    E como é que eu sei isto? Fácil, eles declaram no “trabalho” quando escrevem:

    Subnotificação dos óbitos por COVID-19. Admitimos que alguns óbitos ocorridos em casa ou em instituições de cuidados continuados pudessem não ter tido confirmação laboratorial de COVID-19.

    E é assim que graças a escumalha como esta, e pior que estes seis, que andamos a matar velhos e velhas em épocas de caça presidenciais!

    Sintam-se ORGULHOSOS e votem no caçador mor da república para mais caça!

    Quanto ao CALOR, de facto conseguiu – como sempre o FAZ – matar velhos e velhas, mas até a isto nós já estamos habituados… Mas este ano como convém promover a FRAUDE CUVID, o calor não matou ninguém, nem velhos e velhas acima dos 80 anos!
    https://postimg.cc/gLYsxwzj

  7. O relatório da Escola Nacional de Saúde Pública é uma treta. Basta ler o sumário: está lá escrito por duas vezes “isto sugere que”, mas demonstrações, não as há nenhumas.

  8. voza0db

    Aqueles seis só quiseram debitar mais um pedaço de contas e tangas para mostrar serviço… É para o que servem, desperdiçar impostos!

  9. Um velho vem a conduzir do Porto para Lisboa na faixa da esquerda da autoestrada.
    Ao ver que muitos carros se apresentam em sentido contrario ao seu, na sua faixa de rodagem, quase o abalroando, exclama indignado; Estes lisboetas são loucos, vão todos para o Porto em contramão!

    Aqui neste fórum, muitos comensais ainda não viram que dezenas de países civilizados tomaram as mesmas medidas contra a covid19 que Portugal tomou.
    A cegueira de deitar o governo abaixo, cega-os!

  10. Oscar Maximo

    manuel galvão… faltou referir quais os outros países com cem mil cirurgias adiadas devido ás medidas, e muitas mais adiadas consultas.

  11. Ó Galvão, onde foste buscar essa coisa de comensais? Eu aqui não como nada. Tu é que deves comer à mesa do orçamento e pela mão do Costa.
    A ignorância é atrevida, mas assim não. Pede a alguém para te corrigir os erros.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.