Proibição de Circulação Entre Concelhos – Todos os Animais São Iguais, Mas Uns São Mais Iguais Do Que os Outros

Este país às vezes parece um sketch dos Monty Python.

Por um lado temos o governo a passar uma medida inconstitucional, uma vez que não se pode proibir a circulação entre concelhos sem declaração do estado de emergência – inconstitucionalidade essa confirmada pelo Presidente da República (ver notícia abaixo).

Por outro lado, a medida inclui um grande conjunto de excepções, o que leva a crer que o vírus seja altamente selectivo e dotado de particular inteligência (quem sabe, pode ser que um dia ainda chegue a ministro):

2 pensamentos sobre “Proibição de Circulação Entre Concelhos – Todos os Animais São Iguais, Mas Uns São Mais Iguais Do Que os Outros

  1. Marques Aarão

    PECADOS MAIORES
    ANIMAIS DA QUINTA
    -Quando a Sra. Diretora Geral de Saúde nos vem dizer que a modificação de medidas anunciadas resultam do conhecimento que fomos adquirindo, fica escancarada uma adulteração inqualificável a propósito de uma situação de preocupante. gravidade
    Nem bom senso, nem competência, mas ainda pior, desprezo ou ignorância por uma cautelosa ação preventiva de antecipação.
    Quando se salta sem nexo de um estado falacioso de negação para uma adoçada situação de aflição, falharam todos os pressupostos de uma avaliação no mínimo consciente, ficando patente que tal atitude não se afigura merecedora de respeito.
    -Quando autoridades em exercício vem culpar e condenar a aglomeração de pessoa em incumprimento dos mais elementares cuidados individuais, é de perguntar como foi possível que o evento das ondas da Nazaré não tivesse sido objeto de avaliação prévia, sem prejuízo de competente fiscalização ou mesmo de absoluta proibição.
    -Como não podia deixar de ser Sua Excelência o Presidente da Republica entra em mais uma peça, não na qualidade de influente magistrado da nação, mas para anunciar uma solene palestra em momento posterior à reunião extraordinária do governo sobre medidas para combater a pandemia.
    Fica-se com a impressão que o atual ocupante de Belém em vez de comandar anda a reboque de palpites e acontecimentos.
    Apareceu demasiado tarde a fazer a fita de desautorização do governo, mas provavelmente só o fez em atitude hipócrita a roçar a cobardia quando percebeu que não lhe convinha manter-se à margem da indignação geral.
    Até pode parecer que aguarda ordens ou recomendações do despistado Dr. Costa para poder botar palavra.

  2. Ze bedeu

    Quando o tribunal decide contra a lei, está tudo visto. Quando o tribunal faz o favor ao Gov, é já a ditadura escancarada.

    Nada destas medidas deviam ser imposições. Deviam, isso sim, ser recomendações.

    A malta quer se juntar em Peniche, tudo bem! Deixem-nos ir! Ah, mas e a saúde pública? Se apanharem, apanharam. Ah e tal não há vagas nos hospitais… Azar!
    RESPONSABILIDADE INDIVIDUAL

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.