Polónia Ultrapassa Portugal Em Poder De Compra

De acordo com dados do Fundo Monetário Internacional (FMI), a Polónia, que esteve sob o jugo comunista até 1989, ultrapassou Portugal em termos de poder de compra em 2019.

Por cá, continuaremos a ouvir diariamente o malabarista e papagaio António Costa a repetir até à exaustão que estamos a convergir com a União Europeia.

14 pensamentos sobre “Polónia Ultrapassa Portugal Em Poder De Compra

  1. A. R

    “Pois a Polónia está mais perto do centro da Europa” assim como Israel, Singapura, etc: não podemos comparar. Para lembrar um comentador chavista.

  2. Cacim Bado

    Com Costa cá vamos cantando e rindo, enquanto debita a cantilena da manta, paga uma leva duas, e com a oferta de um balde de plástico.
    A pedir devolução depois de encharcado.

  3. Carlos Guerreiro

    A comparação não é justa. A Polónia tem a vantagem de ter feito a vacinação completa contra o socialismo!

  4. Filipe Bastos

    A Polónia está realmente mais perto do centro da Europa, i.e. da Alemanha. Não é opinião, é um facto.

    Claro que não é o único factor. A Polónia é de longe o maior beneficiário de fundos europeus. Recebe muito investimento estrangeiro. A dívida pública e a privada têm também crescido. Mas a maior diferença para outros países a leste foi a relativa transparência da transição pós-cortina de ferro, sobretudo das privatizações.

    Por isto a desigualdade é inferior à de outros países, a economia é mais equilibrada e pode-se realmente considerar um bom modelo, sem grandes excessos xuxas ou fanatismos do ‘mercado’.

    Se for capaz de controlar os mamões e a fantasia do crescimento infinito a todo custo, talvez continue a melhorar para todos os polacos.

  5. Nem entendo a razão desse foguetório todo agora. Já há muito que a Polónia tinha um PPP bem mais elevado que o nosso.
    Alias nem é difícil ultrapassar em Paridade de Poder de Compra um pais com preços europeus e salários marroquinos como é o nosso caso.
    E por falar em socialismo: A Republica Socialista do Vietname está á frente da Suiça.

  6. Carlos Guerreiro

    “A Polónia é de longe o maior beneficiário de fundos europeus.”
    Portugal recebeu tão poucos fundos europeus… Acho que a Polónia terá recebido durante mais anos, ou foi o contrário?

    “Mas a maior diferença para outros países a leste foi a relativa transparência da transição pós-cortina de ferro, sobretudo das privatizações.”
    O problema é que os outros, mesmo sem “relativa transparência”, já nos ultrapassaram (e poucos sobram atrás de nós). Parece-me que o problema de transparência a existir deve estar em Portugal (a Transparência Internacional também acha, o Pinto Monteiro e Cândida Almeida é que achavam o contrário).

  7. Deixemo-nos de tretas. O abismo está bem à nossa frente e os beneficiários do sistema continuam a empurrar a ” manada” nessa direção. Um dia, quais búfalos fartos dos seus predadores, a ” manada” reagirá. Não sei qual o destino de muitos dos predadores, mas por certo e apesar de poderem contar muitos milhões, será que terão tempo para os gastar?

  8. Filipe Bastos

    “Acho que a Polónia terá recebido durante mais anos, ou foi o contrário?”

    Portugal entrou antes (1986), após entrar (2004) a Polónia recebeu mais: https://docdro.id/Rmqnpd6

    Parece sobretudo ter usado melhor o que recebeu: talvez menos algumas empresas-fantasma, menos umas formações da treta, menos uns montes no Alentejo, menos uns prémios e BMWs topo de gama para ‘gestores’…

    “O problema de transparência a existir deve estar em Portugal”

    Está coberto de razão: da classe pulhítica à máfia banqueira, passando pelas empresas do regime e grandes escritórios de advogados, não chegariam vinte Ruis Pintos para leakar tanto trafulha e tanta podridão.

    Mas os países do Leste não ficam atrás. A corrupção do comunismo deu lugar à do capitalismo. Por ali vale tudo, e a concentração do poder e da riqueza – estranhamente, costumam andar juntas – passou do partido para oligarcas e mamões. Daí a Polónia ser, apesar de tudo, melhor do que a regra.

  9. Carlos Guerreiro

    “Mas os países do Leste não ficam atrás. A corrupção do comunismo deu lugar à do capitalismo. Por ali vale tudo, e a concentração do poder e da riqueza – estranhamente, costumam andar juntas – passou do partido para oligarcas e mamões. Daí a Polónia ser, apesar de tudo, melhor do que a regra”

    Ou seja corrupção por corrupção, era melhor terem ficado quietos… O povo é que é capaz de não concordar, agora que podem votar livremente, a expressão dos partidos comunistas/socialistas é marginal na Europa de leste.
    Se são raros os países de leste que não ultrapassaram, logo se a Polónica estivesse “com a regra” já nos tinha ultrapassado antes como os outros.
    A fraude da UGT (Torres Couto) foi para montes no Alentejo, BMWs, empresas fantasma ou foi mesmo para a rataria?

  10. Pingback: Portugal Cada Vez Mais Na Cauda Da Europa: Os 10 Países Que Entraram Na União Europeia Em 2004 Estão Prestes A Utrapassar Portugal No PIB Per Capita – O Insurgente

  11. Pingback: A Geringonça Deixou Portugal Melhor ou Pior Preparado Para Enfrentar Uma Crise? – O Insurgente

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.