Juiz comunica ao MP eventual violação do segredo de justiça por António Costa

Isto a confirmar-se num país sério dava demissão.

“Juiz Carlos Alexandre pediu ao Ministério Público que se pronuncie sobre a eventual violação do segredo de justiça no processo de Tancos, por parte de António Costa. O pedido foi enviado à procuradora titular do processo na tarde desta quarta-feira, depois de o primeiro-ministro ter decidido publicar no site do Governo o documento que enviou ao tribunal, com as 100 respostas às perguntas que lhe foram colocadas por escrito, na qualidade de testemunha de defesa de Azeredo Lopes”

Resultado de imagem para antonio costa triste"

8 pensamentos sobre “Juiz comunica ao MP eventual violação do segredo de justiça por António Costa

  1. Miguel Santos

    Ele é como uma pessoa com quem fez uma chamada há uns anos: está-se a cagar para o segredo de justiça.

  2. Rão Arques

    Já foi demitido quando perdeu as eleições, e depois das sucessivas broncas no comando do governo a ser arquivadas só sairá à bastonada.

  3. JP-A

    Se calhar alguém pensou que depois das manobras a la crápula profissional tinha nascido um homem novo e íntegro. Ou que Marques Vidal tinha ido embora por mero acaso. Ou que do sócrates ele não havia topado nada. Ou que ele como jurista não sabia em que condições se prestam declarações a tribunais. Ou que não sabe que dá imenso jeito que saibam todos o que dizem os outros.

    Bem vindos ao reino da venezuela do rato. Portugal que se habitue a isto porque é destas marceladas costas que o país merece e carece. Nós somos isto! Nós somos esta merda!

    Venha o parecer mais o focus group.

  4. Dava demissão? Tem a certeza?
    Eu diria que um juiz que deste modo desavergonhado mete o bedelho na política é que deveria ser afastado do seu lugar!
    Então o juiz assiste diariamente a violações do segredo dos interrogatórios que faz no seu gabinete – todos esses interrogatórios têm sido divulgados, à noite, nos mídia, sempre com a tirada “fontes ligadas ao processo informam que” – e o juiz não faz nada, e agora que um interrogado, um entre muitos, decide divulgar tudo o que lá disse, é que o juiz se abespinha?
    O juiz deveria era perder o emprego!
    A justiça deste país – juízes e Ministério Público – é uma vergonha.

  5. O partido do Bernardo Blanco, e meu, deveria preocupar-se com o grave problema para as liberdades neste país que os juízes e o Ministério Público constituem.
    Sugiro ao Bernardo Blanco que leia o blogue “Portugal Contemporâneo” para ficar esclarecido, e para colocar a Iniciativa Liberal a sugerir as iniciativas legislativas que se impõem para colocar Ministério Público e juízes na ordem – eles que constituem um grave perigo às liberdades em Portugal.

  6. O «Luís Lavoura» – coloco aspas porque ainda tenho dúvidas quanto à verdadeira identidade deste indivíduo – bem que se poderia juntar a José Pimentel Teixeira, que, no Delito de Opinião, já classificou os advogados de «escumalha» e os juízes uma «cáfila» de «funcionários públicos» «arrogantes», «cagões» e «iletrados».

    A minha opinião é «ligeiramente» diferente: creio que os magistrados são praticamente a última esperança de em Portugal se conseguir reverter mais ou menos pacificamente – porque, como as coisas estão, uma revolução parece-me quase inevitável – a continuada e acentuada degradação da política e da sociedade, resultante das incorrigíveis incompetência e corrupção do PS em especial e das «esquerdas laicas, republicanas e socialistas» em geral. Em Itália os juízes tomaram conta da situação, e não me parece que os resultados tenham sido maus.

  7. Filipe Bastos

    Nem tanto ao mar (Lavoura) nem tanto à terra (Octávio): os magistrados poderiam ser a nossa esperança… se não fossem a trampa que são. Nisso o Lavoura está certo.

    A maioria dos juízes é realmente uma cáfila. Sem aspas. Funcionários públicos, arrogantes, cagões, iletrados? Também nenhuma mentira.
    Escumalha, os advogados? Bingo. Quanto maior o escritório e a mama, mais certa a escumalha.

    Por outro lado, nem tudo é culpa deles: as leis vêm de cima, de uma escumalha ainda pior – a pulhítica. E há também excepções, juízes razoáveis e advogados decentes. Mas são excepções.

    Na pulhítica não há excepções. É isto que o Lavoura não diz, porque toca no seu caro Partido da Sucata. O PS é o maior culpado desta bandalheira corrupta a que chamamos país.

  8. O «Luís Lavoura» – coloco aspas porque ainda tenho dúvidas quanto à verdadeira identidade deste indivíduo

    Faz muito bem em colocar, porque há mais do que um indivíduo em Portugal chamado Luís Lavoura.

    E, se incluirmos o Brasil, ainda deverá haver muitos mais Luís Lavoura.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.