Branqueamento dos Crimes Comunistas

A propósito da proposta da Iniciativa Liberal de uma resolução de condenação dos crimes praticados pelo nazismo e pelo comunismo que foi chumada pelo PS, BE, PCP  e Verdes (fonte) – resolução esta que foi aprovada pelo parlamento europeu inclusivé com os votos favoráveis dos eurodepudados do PS (fonte), aplaudo o discurso da deputada luso-ucraniana da Assembleia Municipal de Lisboa Aline Gallasch-Hall de Beuvink do PPM, que denuncia apaixonadamente o Holodomor e outros crimes marxistas-comunistas branqueados pela “frente popular” há 45 anos instalada em Portugal.

Communism_Kills.jpg

De referir que o Partido Socialista desde a era António Costa, tem sempre procurado coligações e apoio nos partidos portugueses de extrema-esquerda que defendem não só os regimes comunistas como políticas comunistas. Políticas essas, que em todos os países onde foram implementadas, resultaram sempre em milhares e milhões de mortos assim como em fome, miséria e pobreza generalizadas.

11 pensamentos sobre “Branqueamento dos Crimes Comunistas

  1. Filipe Bastos

    O PS é aldrabão e hipócrita? Grande novidade.

    Condenar os crimes do fascismo e do comunismo. Muito bem. Falta é condenar os crimes do capitalismo.

    O capitalismo mata todos os anos milhões de pessoas, até em países ricos. Segundo um estudo de Harvard, só devido a doenças e condições já tratáveis morrem anualmente cerca de oito milhões.

    Poucas coisas neste mundo matam tanto como a ganância. Seja de ditadores comunas, de CEOs capitalistas, de hospitais privados ou de farmacêuticas. Mas há quem aqui defenda a ganância. Até há quem a louve.

  2. O Holodomor já havia sido condenado pelo Parlamento Português em 2017 (i.e. na anterior legislatura de António Costa e geringonça).

    Fonte: https://www.parlamento.pt/ActividadeParlamentar/Paginas/DetalheActividadeParlamentar.aspx?BID=104239

    Mais, aparentemente Portugal é dos poucos países europeus que reconhece o Holodomor como genocídio. A maioria dos países não reconhece, inclusive o UK, França e Alemanha (ver https://en.wikipedia.org/wiki/File:Holodomor_World_recognition.png).

  3. Até me fez rir, Sr. Filipe Bastos. Se o mundo hoje consegue alimentar, providenciar saúde e proporcionar uma qualidade de vida como nunca se viu na história da humanidade a 7 mil milhões de pessoas, tal se deve a esse “capitalismo” que o Filipe Bastos refere. Aconselho-lhe que se informe analisando alguns factos, por exemplo: https://www.gapminder.org/topics/extreme-poverty-trend/ ou https://www.gapminder.org/factfulness-book/32-improvements/
    Pior… o Filipe Bastos está a insinuar que se o Filipe Bastos não pagar para que uma criança num páis longínquo seja salva de uma doença curável, então signfica que o Filipe a está a matar, e portanto que o Filipe Bastos é um assassino – e isto é o Filipe que diz.
    Cumprimentos!

  4. Filipe Bastos

    Ainda bem que o faço rir, João Cortez; assim estamos quites.

    Nisto os fãs dos capitalismo são tal e qual como os fãs do comunismo: ambos recortam cuidadosamente as partes de que gostam, como uma criança na aula de trabalhos manuais, e descartam discretamente as menos agradáveis.

    Assim, para o João, todo o progresso científico e técnico, da agricultura à medicina, é atribuível ao capitalismo. Nada a universidades públicas, a investimentos e prioridades estatais, ou à mera colaboração entre pessoas para um fim comum. OK.

    Sabe como viviam os russos antes da URSS? Esta também se gabava de muitos feitos, alguns deles verdadeiros; até foi a primeira a pôr um homem no espaço. O pior foi o resto.

    O capitalismo é imbatível para inchar o PIB, essa vaca sagrada, para produzir televisões e torradeiras. A iniciativa privada, a economia de mercado (se regulada), a diversidade e a liberdade de escolha, tudo isso é fantástico. O pior é o resto.

  5. André Silva

    O Filipe Bastos é apenas e só mais mais um idiota inútil, que de maneira tipicamente asinina mistura alhos com cara lhos, e que não distingue uns de outros.
    Acima de tudo, há que ter pena de mais este pobre infeliz, que ainda para mais nem se dá conta das suas baboseiras.

  6. Filipe Bastos

    “O Filipe Bastos é apenas e só mais mais um idiota inútil”…

    Obrigado, André. Também nós estamos quites.

  7. Idiotas úteis são narcisos, este tem ódio à Liberdade, àqueles que são diferentes, aos que se destacam, quer punir todos os que se diferenciam positivamente, veja-se os termos que emprega para quem consegue viver sem socialismo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.