Política na nota biográfica de Fernando Pessoa

(…)

Ideologia política: Considera que o sistema monárquico seria o mais próprio para uma nação organicamente imperial como é Portugal. Considera, ao mesmo tempo, a Monarquia completamente inviável em Portugal. Por isso, a haver um plebiscito entre regimes, votaria, com pena, pela República. Conservador do estilo inglês, isto é, liberal dentro do conservantismo, e absolutamente anti-reaccionário.

(…)

Posição social: Anticomunista e anti-socialista. O mais deduz-se do que vai dito acima.

Excerto da nota biográfica de Fernando Pessoa

A isto juntam-se noutros textos passagens já conhecidas de vários leitores como:

“Economicamente o Estado é um mito. O Estado administra sempre mal. O Estado drena a energia particular”

“De todas as coisas “organizadas”, é o Estado, em qualquer parte ou época, a mais mal organizada de todas. E a razão é evidente”

Resultado de imagem para fernando pessoa socialismo

4 pensamentos sobre “Política na nota biográfica de Fernando Pessoa

  1. ATAV

    Deixo aqui mais uma citação de Fernando Pessoa para que seja possível aferir com mais precisão o liberalismo que ele defendia e que é muito apreciado nesta casa.

    “É hoje legitima e necessária uma Ditadura Militar em Portugal.”

    Disse-o em 1928 por ocasião do 10 ano da morte de Sidónio Pais de quem era forte apoiante (e da Ditadura também).

    Vota Iniciativa Liberal!

  2. Alex.soares

    Vata, toma nota, golos com a mão só valem se fores goleiro.
    Outra coisa, se em Portugal ainda houvessem militares, a ditadura já existia.
    Por outro lado, ainda bem que o pr e o pm ajudaram a recuperar as armas de tancos, ainda vamos a tempo.
    Depois logo se vê, para pior já basta assim.

  3. A. R

    ““É hoje legitima e necessária uma Ditadura Militar em Portugal.” A ditadura militar foi um sucesso económico e social no Brasil quando os avençados mercenários soviéticos matavam e (Dilmas e companhia) ameaçavam uma guerra civil,

  4. As ditaduras militares – ou outras -sempre foram uma desgraça civilizacional.
    Nada ficou delas O Salazarismo deu em quê? No dia 24 eram todos pelo regime, no 25 eram todos por Mao, Estaline ou Enver Hoxa.

    Nada foi articulado, justificado, civilizado..
    Nada se aproveitou, o regime do 25 de Abril anda há 40 anos a viver ás custas da ditadura.
    No Brasil a ditadura era uma coisa assim esquerdista, neo facista, socialista,perdoe-se em parte a redundância pendendo para um ou outro ponto conforme a conveniência do momento.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.