Os Truques D’Os Truques da Imprensa Portuguesa

Sobre a popular página d’Os Truques da Impresa Portuguesa no Facebook, podem constatar o histórico dessa página seguindo este URL e constatar que a mesma foi criada no dia 8 de Outubro de 2015 com o nome Queremos a demissão de José Rodrigues dos Santos – e isto senhoras e senhores, não é nenhum truque.

Reproduzo aqui o texto da página d’O Gato Político sobre este histórico da página d’Os Truques:

Os Truques d’Os Truques.

A natureza desta página, afinal, não é tão neutra quanto ela se auto-proclamava. As suspeitas de favorecimento e selectividade nas notícias que esta página “desmascara” têm, no fim, razão de ser.

A página não esconde propriamente o seu favoritismo à esquerda, embora as evidências se possam camuflar entre a ingenuidade de alguns.

Por exemplo, podemos ver na página sistemáticos ataques pessoais e gratuitos ao jornalista José Gomes Ferreira. Sem qualquer contexto no âmbito da página – “revelar truques da imprensa”. Ataques a jornalistas é um traço conhecido do Partido Socialista, que vai além de José Sócrates – que censurou um jornal nacional – e de João Soares – que ameaçou esmurrar um jornalista.

Esta página começou como um protesto ao jornalista que, pouco depois, viria a constatar que “Fascismo tem origem no Marxismo”. Frase que levou os tolerantes socialistas a protagonizar ameaças de morte, aludir ao seu despedimento da RTP, a denegrir a sua imagem e a motivar violência contra a sua família – provavelmente para provarem que não eram fascistas.

Não era de resto segredo o desprezo que o jornalista José Rodrigues dos Santos tinha para com o socialismo – fruto da sua pesquisa nesse sistema político, na sua existência ao longo da História e nas implicações concretas da sua aplicação. Não sendo por isso de admirar que esta página “neutra”, que apoiava o seu afastamento, ataque notícias que provocam a esquerda (em particular, o governo instalado), muitas vezes usando as próprias técnicas que critica nas notícias manipulativas para convencer os seu seguidores de motivações maléficas dos malditos jornalistas.

Devo ainda acrescentar que não tenho qualquer problema com uma página com favoritismo ou direcionada a algum público. Uma página, por definição, não tem que ser neutra ou justa. Mas se for o caso de não o ser, não pode mentir auto-proclamando-se “neutra” e não esperar criticismo.

Anúncios

3 pensamentos sobre “Os Truques D’Os Truques da Imprensa Portuguesa

  1. Pingback: Os Truques D’Os Truques da Imprensa Portuguesa — O Insurgente..Meire Jimenez – Moda & Música & Afinidades

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.