Paridade “à la carte”…

Sou, como não surpreenderá quem vai seguindo o que escrevo e digo, completamente contra qualquer obrigatoriedade legal que imponha quotas por “género” mas isto, a ser verdade, é ainda pior (além de ridículo) – uma espécie de defesa da paridade “à la carte” que descredibiliza o CDS e a sua líder Assunção Cristas: Paridade. CDS vai propor que lei não afete próximas eleições para proteger Mota Soares

CDS vai propor alterações à lei da paridade, que prevê um homem e uma mulher no topo das listas. Ideia é que lei, se for aprovada, não afete eleições de 2019. Mota Soares quer ir a 2º nas europeias.

Anúncios

3 thoughts on “Paridade “à la carte”…

  1. JP-A

    “Benito Mussolini said if you pluck a chicken one feather at a time, people don’t notice.”

    Aqui pela terra o sistema de foice e martelo cor-de-rosa vai avançando e a gente vai-se entretendo ao som destas músicas celestiais dos animais nos restaurantes, e afins.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.