AfD ultrapassa SPD

Extrema-direita ultrapassa SPD na Alemanha, torna-se segundo partido com mais intenções de voto

O partido de extrema-direita Alternativa para a Alemanha (AfD) surge, pela primeira vez, numa sondagem, como segundo partido mais votado, logo a seguir à CDU de Angela Merkel. A sondagem, divulgada pela empresa INSA, coloca a CDU com 32% de intenções de voto (caso houvesse eleições amanhã), a AfD com 16% e o SPD — que está a coligar-se com Merkel para formar uma grande coligação de centro — com 15,5%.

Leitura complementar: O desastroso legado de Martin Schulz.

Anúncios

10 thoughts on “AfD ultrapassa SPD

  1. Quem é que classifica a AfD como extrema-direita? A extrema-esquerda calhauzada mesocerebral do Público?

    Sinceramente, pelo que leio nos jornais alemães, salvo pelo problema dos imigrantes, que a AfD prime por se distinguir dos outros partidos, o programa economico-social da AfD não é muito diferente dos outros. Desde que o Lucke se foi embora que a AfD deixou de ser liberal (a tal Alice bem tenta ser liberal, mas o Höcke…)

  2. Mario Figueiredo

    Ora essa. Mas está tudo bem na Europa. A economia está uma maravilha. Temos a super estrela Macron. Estamos a dar uma valente chapada aos Ingleses, pois claro. Isso do Afd, ou o Jobbik da Hungria, ou o PiS da Polónia, ou o FPO da Áustria, ou o PVV da Holanda, ou a LN da Itália, ou a FN de França, ou o DPP da Dinamarca,… não é nada! A Europa está no bom caminho. Não se passa nada. É preciso que a UE continue a fazer o que sempre fez, porque se fizer muitas vezes o problema desaparece.

  3. “Extrema direita” …o terrorismo semântico não falha uma.
    Simplesmente,a população já abriu os olhos – e começa a ostracizar os contadores de fábulas : Polónia, Hungria, Áustria, Rep. Checa…
    Os mendicantes abúlicos do Sul é que continuam a ser um “mercado protegido” para os fabricantes de patranhas.

  4. mg

    “Quem é que classifica a AfD como extrema-direita?”

    Toda a elite, para alem da esquerda ? Toda a elite corporativa capitalista, liberal e conservadora. Percebe porque razão que problema não é a “esquerda” ?

  5. Francisco Miguel Colaço – “salvo pelo problema dos imigrantes, que a AfD prime por se distinguir dos outros partidos, o programa economico-social da AfD não é muito diferente dos outros.”

    O que é mais ou menos o programa de todos ou quase todos os partidos usualmente classificados como “extrema-direita” = “modelo social europeu” + restrições à imigração

  6. A. R

    A AfD é o primeiro partido a levantar-se contra o nazismo que se instala na alemanha: coação psicológica com facada, violação e censura; anti-semtismo nunca visto depois do nazismo e os camisas castanhas (antifas e afins).

  7. mg

    Acordem meninos acordem, Isto é dito por um suposto liberal.
    O problema do ocidente não está necessariamente na “Esquerda”

    “Para gente como Loff, Daniel Oliveira e outros da extrema esquerda, vozes liberais como as do Observador são “radicais”. Pelo que me toca é um elogio ser visto como um “radical” pela esquerda marxista”

    …”Hoje na Europa, há partidos na extrema direita que defendem medidas radicais herdadas dos regimes fascistas, como a Frente Nacional em França ou a AfD na Alemanha.”

    http://observador.pt/opiniao/a-obsessao-com-a-direita-radical-do-observador/

  8. mg

    Reformulando o comentario anterior para evitar equivocos.
    Já vos disse que o problema do ocidente não está necessáriamente na “Esquerda”.

    Isto é dito por um suposto liberal, apologista do capitalismo:

    “Para gente como Loff, Daniel Oliveira e outros da extrema esquerda, vozes liberais como as do Observador são “radicais”. Pelo que me toca é um elogio ser visto como um “radical” pela esquerda marxista”
    …”Hoje na Europa, há partidos na extrema direita que defendem medidas radicais herdadas dos regimes fascistas, como a Frente Nacional em França ou a AfD na Alemanha.”

    Depois digam que são só os marxistas…

    http://observador.pt/opiniao/a-obsessao-com-a-direita-radical-do-observador/

  9. Incentivem a direita alemã e depois digam que é mau.

    Esses gajos só têm desprezo por vocês, que para eles “não passam” de latinos que tramarão em todas as oportunidades.

    E quanto mais para os extremos maior o desequilibrio mental.

    É assombroso que a Afd queira “libertar” a alemanha do euro e das regras europeias quando essas regras são feitas pela alemanha e o euro está organizado para servir os interesses alemães.

    Parecem o Trump que fala como se tivesse sido o mundo a impor a globalização á América e não o contrário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.