As bolhas da política monetária

“Há vinte anos que acompanho os mercados financeiros e durante este período não me recordo de alguma vez ter visto tanta complacência face ao risco como hoje.”

Destaque do meu artigo de hoje no ECO – Economia Online. Sobre a inflação de preços e expectativas observáveis nos mercados.

Anúncios

2 thoughts on “As bolhas da política monetária

  1. Luís Lavoura

    As ações da Corticeira Amorim estão a valer o triplo daquilo que valiam há 5 anos. As ações da F. Ramada também estão no triplo. Em compensação, as ações da Navigator não arrancam e as da GALP também não. Por outro lado, as ações do Millenium valem um décimo daquilo que valiam há três anos.
    Complacência perante o risco? Certamente que nalgumas ações, mas não em todas… Eu diria que há sinais contraditórios.

  2. O problema (ou a oportunidade) é que quando caem, caem as boas e as más. Mas há complacência sim, basta ver os PER e PtB de algumas americanas. E na Europa, mais uma vez, acham que o que acontece nas bolsas dos EUA não chega cá. Em 2008 também pensavam o mesmo. E até neste cantinho a maioria dos particulares estão atascados em CFDs com empréstimos. Saberão o que é um CFD? Eu não creio que saibam.
    Só ainda não houve um crash porque NÃO PODE HAVER com os juros tão baixos. Não seria um 2008, seria um 1930.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s