Requisito Para Pertencer À Geringonça: Desonestidade Intelectual

Menos de um ano separam as duas entrevistas abaixo de Pedro Nuno Santos – actual secretário de estado dos assuntos parlamentares. As imagens foram retiradas daqui e daqui.

Saber que se existissem eleições hoje, provavelmente a geringonça voltaria a formar governo, só dá vontade de saír do país.

Informação Complementar: 

Anúncios

9 thoughts on “Requisito Para Pertencer À Geringonça: Desonestidade Intelectual

  1. A questão a meu ver não é o que este sujeito ou deixar de dizer, a questão é saber como é que um sujeito destes chega a ministro! Já tenho as pernas a tremer a pensar que este pode ser o nosso padrão futuro na escolha dos supostos governantes. JAGUNCADA.

  2. O título é enganoso. Há requisitos alternativos.

    Para se pertencer à Geringonça pode-se ser OU desonesto OU imbecil. Uma combinação das duas é rara, mas sempre existe o António Costa. Fica a cargo de cada membro do Partido Sacanista, do Partido Contumista, dos Verde Rubros, do Partido das Bestas e do Calhau Canhoto decidir em que rácios são imbecis ou desonestos.

  3. JP-A

    Antes: “Ou os senhores se põem finos ou nós não pagamos a dívida” e se o fizermos “as pernas dos banqueiros alemães até tremem”.”

    Hoje: “A direita não sabe como funciona a economia”

  4. Luís Lavoura

    só dá vontade de saír do país

    Esteja à vontade, João Cortez. Para que raio se mantem você na sua “zona de conforto”?

  5. Luís Lavoura,

    Com um governo de esquerda no poder, as pessoas de direita são as primeiras a desejar a querer sair. Velozmente, o espectro político das pessoas que querem sair alarga-se à esquerda. Como na Venezuela ou em Cuba. Ou na Coreia do Norte. Bastiões do socialismo.

    Não se esqueça que não há melhor para matar comunistas que outros comunistas. Comunistas morrem com bala na nuca, à fome, em prisão, em trabalhos forçados, assassinados extrajudicialmente, de peste, desaparecidos, fuzilados e enforcados em países comunistas.

    Portanto, Luís, se o Cortez e o Colaço saírem, o Luís — de esquerda mas ainda não propriamente um vermilhóide — será o próximo alvo. Por conseguinte, convém que o Luís Lavoura implore ao Cortez que fique.

  6. Quando o Luis Lavoura só arranja o argumento “Esteja à vontade, João Cortez. Para que raio se mantem você na sua “zona de conforto”?”, o caso é grave.

  7. Pingback: Problemas De Expressão – O Insurgente

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s