E se Deus existisse e tivesse sentido de humor?

Neste post.

Anúncios

4 thoughts on “E se Deus existisse e tivesse sentido de humor?

  1. Mario Figueiredo

    Um texto engraçado. Gostei.
    Reclamo a conclusão no entanto. Sempre achei profundamente egoísta a ideia de que Deus está a olhar por mim. Assim como os sobreviventes do 11 de Setembro que se dizem gratos por ter sido salvos por Deus, no que só pode ser uma ofensa aos que morreram (mas que estranhamente passa sempre ao lado dos teólogos).

    Já agora, passei por um momento de um profundo sentimento amoroso ao ler o texto. Acontece que em criança tinha um sonho recorrente de estar a entrar pelo mar adentro e este nunca subir acima do meu joelho. Ao longe no horizonte vias ondas. Mas nunca lá chegava.

  2. Anti-esquerdalhada

    Livro efusivamente recomendado a qualquer pessoa que se crê racional:

    Se bem que é altamente preferível encomendarem antes através dos sites europeus da Amazon (basta ir à barra de endereço e alterar o domínio de .com para .co.uk, .es, .it, .fr ou .de, conforme a vossa preferência).

    Além disso, todos os outros livros do mesmo autor, bem como o seu blog, valem de igual modo a pena.

    Long story short: os nossos antepassados não eram estúpidos nenhuns; pelo menos não mais do que nós (e quanto a este assunto em particular tudo indica que eram bem menos).

    A verdade é que quase todas as objecções levantadas contra o teísmo clássico falham espectacularmente o alvo e, mesmo quando não o fazem, são pateticamente fracas. Além disso, longe de serem originais aos pseudo-intelectuais modernos, já existem desde sempre, tendo logo no início sido objecto de refutação cabal imediata.

    Ora o problema é que esses tais pseudo-intelectuais modernos, levados pela sua cegueira Whig sempre tão na moda, julgam a priori que nem vale a pena perder tempo a estudar os antigos e os medievais. Assumem logo à partida o naturalismo, sem sequer colocar à prova tal hipótese. Só que, como sabe qualquer indivíduo que gaste um par de minutos debruçando-se sobre o tema, o materialismo é absurdo, o positivismo lógico é auto-refutatório e o cientismo é tão-somente uma tolice; ademais, um estudo um pouco mais aprofundado desvenda também a completa bancarrota intelectual e as implicações insustentáveis do naturalismo, mesmo nas versões mais sofisticadas defendidas pelos próprios filósofos académicos contemporâneos que em última análise são sempre redutíveis àquelas suas encarnações mais simplistas.

    Pelo contrário, a verdade do teísmo, que tende commumente a ser representado por espantalhos (termo que significa “distorções dos argumentos do adversário” na gíria dos filósofos) grosseiros e irreconhecíveis, em geral obtidos dos protestantes fundamentalistas da hollywoodesca ‘Murica, pode na realidade ser estabelecida pela razão através de argumentos estritamente dedutivos, de robustez à prova de bala.

  3. Se Deus tiver sentido de humor não rirá nem de nós nem do nosso mundo.
    Ainda hoje vi a noticia do massacre da igreja batista e as televisões portuguesas só falam de que Trump se recusa a reabrir o debate e legislação sobre as armas nos EUA… e o atirador foi posteriormente abatido pela policia. —- Não. O atirador foi abatido por um Instrutor do NRA que não consegue explicar porque fez o que fez (Stephen Willeford). Ao ouvir os tiros saiu de casa armado, apanhou a boleia de alguém que já o perseguia de carro. E a 30 metros alvejou-o no espaço entre o espaço anterior e posterior do colete à prova de balas.
    Este mundo de narrativas (tão dispares) vai acabar mal!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s