Um homem orientado para a ação, mas vítima constante de “falsas partidas”.

Em 2016, e no rescaldo de uma época de incêndios particularmente complicada, António Costa assumiu perante os portugueses estar “chocado” por, dez anos após a sua passagem pelo MAI, a suposta reforma florestal não ter sido feita. O entusiasmo para a ação que senti em muitos, faz um ano, dissipou-se numa estrutura da Proteção Civil que não conseguiu evitar que este tivesse sido o pior ano de sempre em matéria de incêndios, com poucos paralelos a nível mundial. António Costa, Ministro da Administração Interna em vários dos anos mais fatídicos da história dos incêndios em Portugal, responsável pela aquisição polémica dos meios aéreos Kamov, e pela adjudicação do famigerado SIRESP, veio ontem falar ao país, dando nota que “agora é o tempo de decidir e de executar”. Reforçou ainda que, tendo por base os relatórios independentes, é tempo de reavaliar os meios aéreos e as comunicações. Costa já geriu demasiados anos o tema dos incêndios. A reavaliação é necessária. Mas sem a sua intervenção. Mais de cem mortos depois, num país decente, António Costa não tem condições para liderar um processo que não foi capaz de gerir, por mais do que uma vez. Há alturas em que temos de ser capazes de dizer: basta!

 

 

 

Anúncios

10 thoughts on “Um homem orientado para a ação, mas vítima constante de “falsas partidas”.

  1. Luís Lavoura

    Num passado distante, também houve gente nos EUA que teria gostado que George W Bush se tivesse ido embora por causa do furacão Katrina. Mas ele não foi, nem tinha nada que ter ido, porque o povo tinha votado nele.
    Em Portugal, o povo votou certos deputados e esses deputados querem que António Costa permaneça primeiro-ministro, mau grado os furacões, incêndios, cheias e outras catástrofes naturais que possam ocorrer ou ter ocorrido.
    Não vale de nada pedir a demissão de António Costa, tal como de nada valeu ter pedido a demissão de George W Bush.

  2. mais um que faz comentários em todos os blogues e caixas de comentários de meios de comunicação a soldo do PS (se o fizer de graça é parvo, espero bem que o estejam a pagar).

  3. e refiro-me à pessoa que escreve sob pseudónimo “Luís Lavoura”, de repente apareceram uma data de “pessoas” a fazer falsas equivalências e com desculpas esfarrapadas em todos os blogues e caixas de comentários dos meios de comunicação, que o PS usa esta técnica não é novidade nenhuma.

  4. Comuna de direita

    Como existem severas cativações orçamentais, esses comentadoiros devem estara ser pagos em equivalências académicas.

  5. “Caro cidadão lembra-se da erupção do Vesúvio do ano de 79 AD? Morreram dezenas de milhares de pessoas! Bem pior que estes foguinhos, vá não se chateie com isto que acontece:”

  6. Não vale a pena rasgar as vestes por causa de um assunto tão fácil de resolver:
    Moção de censura, já!
    Se não a puserem é porque não estão assim tão certos de que eles próprios fariam melhor…
    É que quem brada ao céu por “menos Estado” não está propriamente na situação de refilar quando o estado não dá conta do recado.
    Se fossem honestos lutavam pela privatização dos bombeiros e pela criação de corpos privados de bombeiros que combatessem os fogos nas propriedades cobertas pelo seguro. Assim é que se defende a iniciativa privada. Assim é que se defende “menos Estado”.
    Ia morrer muito mais gente. Coitados, não tinham seguro contra incêndios!

  7. Euro2cent

    É nestes dias que penso que um qualquer governo por lotaria, nem que saísse ao drogado arrumador de carros da praça mais perto, nos servia melhor do que isto.

    Podia ser que tivesse uma réstia de consciência e humanidade.

    (O presidente disto tudo verteu baba que tive nojo de ouvir.)

  8. ecozeus

    Um dia volta a ocorrer, com trágicas consequências, um terramoto em Lisboa e estes Costas que nos governam, são bem capazes de nos virem dizer que a culpa foi do marquês de pombal … e nunca, dos que lideram os planos de engenharia e arquitectura, licenças, autorizações e desleixos camarários!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s