Sobre o assassino que vende t-shirts

Che Guevara: o homem que desprezava a humanidade, por Rui Ramos no Observador.

The Killing Machine Che Guevara, from Communist Firebrand to Capitalist Brand, de Alvaro Vargas Llosa.

Anúncios

One thought on “Sobre o assassino que vende t-shirts

  1. Se houve algo que os comunistas se apressaram a integrar foi o magnífico e terrível legado de Goebbels. O clone messiânico na política, o herói, o martír, o libertador, o salvador.
    A religião como ópio do povo, foi substituída por entorpecentes ainda mais potentes. O comunismo substituíu-o por heroína intravenosa, cujos efeitos são óbvios conversando com um comunista.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s