Pedro Passos Coelho sai de cena

“Passos Coelho agarrou o leme a meio da tormenta e, não obstante diversos desvios, levou o navio a porto menos inseguro. Uma linha de rumo que permitiu uma saída tão limpa quanto possível do resgate.”

Destaque do meu artigo de hoje no ECO – Economia Online. Sobre o contributo político de Pedro Passos Coelho nos últimos anos.

Anúncios

8 thoughts on “Pedro Passos Coelho sai de cena

  1. Manuel Assis Teixeira

    Ja tinha lido no Eco. Um grande artigo e uma opiniao que subscrevo totalmente! Eu nao sou do PSD nunca fui, nem serei. Mas tinha uma grande consideraçao por Passos e pela sua atitude! Reconheco-lhe varios erros alguns fatais, quer na governaçao, quer sobretudo na oposiçao. Ficou, todos ficamos, traumatizado com a forma como nao pode governar! Mas podia e devia ter dado a volta e feito oposiçao de marcaçao cerrada ao governo coisa que poucas vezes fez perdendo-se em jogos florais! Estava tambem muito mal rodeado! Nao tinha uma equipa de combate e descomprometida salvo raras excepcoes! Os Marcos Antonios que sao o que de pior existe na politica nunca podiam ser quem os portugueses viam como os homens do futuro! Claro que tambem foi vitima da maior barragem de fogo de ataque como poucos tiveram nos media! Basta lembramos a TVI onde começando pela senil Constança que diariamente destilava o seu odio apoiada nas perguntas seraficas dos jornalistas facciosos como o Jose Alberto Carvalho, passando pela Ferreira Leite ou pelo pretensioso senador da Quinta das Lagrimas Judice! Na SIC embora menos tambem havia. Pensemos no ventríloquo de Belem que quase todas as semanas malhava, ou no Pacheco Pereira que lhe tinha verdadeiro odio ou o Sousa Tavares! E muitos mais! Passos Coelho dai e esta malta vai ficar sem tema! Passos Coelho sai e o Costa tranquiliza-se! Porque na verdade Costa quando olhava para Passos sabia que estava ali o homem que o tinha derrotado! Sabia que estava ali o homem que o tinha humilhado na noite das legislativas! Por muito que depois tivesse criado a geringonça ele sabia que Passos era e seria o seu verdadeiro rival! Porque Passos nao era mentiroso e Costa é! E mais que mentiroso foge da realidade a sete pés! O povo vai descobrir isso! E ainda vamos ver a geringonça esgotar-se!

  2. Euro2cent

    > não obstante diversos desvios

    Pois. O camarada Gaspar tinha puxado da cartola a proposta da TSU, que era uma maneira relativamente limpa de fazer uma baixa geral de salários, que os privados poderiam repor se quisessem.

    Foi o que se viu, e o Gaspar honestamente marchou. Ficaram os jotinhas de diversas idades, a assolapar à mesa e a inventar truques de carteirista diversos. Que agora o Tosta faz figura de herói a cancelar selectivamente.

    Já o camarada Hayek tinha notado que o partido era chefiado pelo dirigente com menos escrúpulos. Estava a falar dos bolcheviques, mas também vale para os outros.

  3. O homem merece umas férias. A esposa está muito mal, e o seu partido não gosta dele por ter ganho tantas lutas e ter dado tanto da sua vida ao país. Goze o merecido repouso, e depois de Rio ou qualquer outro perderem metade do eleitorado para o PS e CDS, volte e torne a pôr ordem na coisa.
    O maior elogio que lhe posso fazer é este;
    “Passos, fizeste-me um grande rombo no orçamento, mas foi para salvar o país”.

    PS
    Já da Geringonça só o que posso dizer é que me fez um rombo ainda maior no orçamento.

  4. PONTO PRINCIPAL EM CABIDELA REQUENTADA
    Passos não sendo manhoso nunca poderia bater-se com um Costa batoteiro em cima de pano verde e limpo.
    Bastava ter encarregado os seus segundos de lhe fazerem um apanhado de atividades cinzentas, ações e contradições de ontem e de sempre. Perante esse arrogante e indecoroso personagem, especialmente no parlamento limitavam-se a ler citações, muitas delas bem conhecidas e ainda frescas que o deixariam sem concerto.
    Na minha, continuo acima de tudo centrado em Costa e não o largo. Quem faz um cesto faz um cento, e só com uma emboscada torpe e rastejante poderia ter abatido um homem vertical.
    Que Ironicamente continua de pé, enquanto o furtivo atirador vai arrastando os joelhos por terra.
    No rescaldo destas eleições Interessa-me mais o que ele seria capaz de dizer se não precisasse dos ainda alinhados na carroça.
    Deve ser lembrado que Costa cavalgando uma derrota arrebanhou os que agora lhe seguiram as pisadas no afundamento.
    Dos escombros a três se faz um vencedor, sendo de uma hipocrisia e lata sem medida a vinda a terreiro para os aconchegar depois de um descalabro diabólico.
    Só para concluir a minha receita envinagrada refiro o que os entusiasmados órgãos de comunicação consideraram como farpa de Costa, a alusão às “dores” do PSD no passado domingo.
    Não houve ninguém naquela bancada capaz de lhe responder a rasgar pano apenas isto:
    O Sr. primeiro ministro está a fazer crer que já se esqueceu de como lhe doeu a derrota nas legislativas, só se safando com um par de calçadeiras postiças enfiadas à pressa sem recurso a vaselina para resgate do próprio cadáver politico a tombar de podre.

  5. Stalenin

    Homens como Pedro Passos Coelho não fazem falta a Portugal. Em boa verdade, a direita faz tanta falta a Portugal como a fome.

    Todavia, não deixo de lamentar a saída de Pedro Passos Coelho, que era uma boa garantia para a durabilidade do actual Governo. Só me tranquiliza é ver o rol de candidatos que se perfilam para tomar a liderança do psd. Todos eles, em maior ou menor medida, são pessoas que não inspiram confiança (e os portugueses sabem-no!). Enquanto estas figuras andarem por aí e se apresentarem como os primeiros rostos do psd, não se esboroa a confiança do povo português no actual Governo.

    Já agora, será que Maria Luís Albuquerque não estará interessada em suceder a Pedro Passos Coelho? Aí sim, tínhamos condições para ter um psd a todo o vapor rumo à nulidade política que deve ser.

    Stalenin

  6. Euro2cent

    > a direita faz tanta falta a Portugal como a fome.

    Oh camarada, não temos os estudos em dia, pois não? Então e a dialéctica, como é, se não têm nada a que se opor, não há tese-antitese-sintese e nunca mais se toma o poder.

    Que foi o que aconteceu ao PCP, não há direita em Portugal, não se toma o poder. Vem tudo n’O Militante, camarada, toca a ler. É científico.

    (Nem com os comunistas se pode contar para um mínimo de competência ideológica, tristeza do catano.)

  7. STALENIN é um nick fabuloso, a contracção de Stalin e Lenin. Dois dos maiores criminosos que a humanidade já viu. Mas ninguém se ofende verdadeiramente com um nick. Talvez MUSSOLITLER?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s