Optimismo antropológico

Os nomes das pessoas que morreram nos incêndios em “segredo de justiça” é das desculpas mais esfarrapadas que me lembro de ler ou ouvir. Como é que as doações chegam às famílias, como é que as Seguradoras indemnizam quem devem se os dados destes estão em “segredo de justiça”? Mas pronto, é sempre possível descer mais baixo, é sempre possível que quem nos pastoreia atinja níveis de miséria insuspeitos de poder sequer existir. Sou um optimista antropológico mas às vezes fica difícil.

Anúncios

5 thoughts on “Optimismo antropológico

  1. JP-A

    É demasiada areia para a minha camioneta:

    “Pocuradora-geral confirmou a António Costa que lista de vítimas está em segredo de justiça.”

    “Câmara de Pedrógão Grande não tem conhecimento de mais vítimas além da lista oficial”

  2. JP-A

    Diz a empresária na TVI que chegou a uma aldeia dias depois da tragédia e não havia distribuição de água. Apenas a água suja de cinzas que saía das torneiras.

  3. A ultima vez que o Costa falou com um procurador geral foi para safar um entalado num caso de pedofilia e a coisa correu lhe mal . É perguntar ao Ferro – que também ficou na fotografia – se ainda se está a cagar para o segredo de Justiça …

  4. Não pode ser “mas pronto”, qual é a razão para haver agora segredo de justiça onde nunca houve segredo de justiça? Está tudo maluco?
    Então há um incêndio em Londres e sabe-se quem são as vítimas portuguesas, e há um em Portugal e não se sabe?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s