PCP reitera apoio ao regime de Maduro na Venezuela

Comunistas portugueses defendem Maduro

O PCP afirma que esta “violenta investida golpista” contra Caracas é uma “contraofensiva lançada pelo imperialismo” para “reverter os avanços e conquistas” — “democráticas e progressistas” — conseguidas pelos países da América Latina como a Venezuela.

No comunicado do gabinete de imprensa, o PCP “reafirma a solidariedade com o povo”, com o Governo de Nicolas Maduro e as “forças patrióticas, progressistas e revolucionárias”.

Anúncios

11 thoughts on “PCP reitera apoio ao regime de Maduro na Venezuela

  1. Gaius Octavius

    O cerco imperialisto-fascisto-capitalista aperta, mas a Venezuela resiste.

    Os capitalistas bem tentaram assustar o povo venezuelano com o mito de que sem comida eles morreriam, mas, como se pode ver, o povo venezuelano cada vez come menos e a Revolução continua de pedra e cal.

    As tais “vitaminas”, “proteínas” e “hidratos de carbono” de que fala a ciência burguesa são apenas mitos criados para manter os trabalhadores na sua condição de explorados. Pois os trabalhadores, ao acreditarem nestas mentiras, estarão sempre dispostos a trabalhar cada vez mais por cada vez menos dinheiro só para conseguirem adquirir os tais alimentos que a sociedade capitalista diz serem “indispensáveis” à manutenção da vida.

    Mas o destino de todos esses mitos burgueses com que os trabalhadores são amedrontados e oprimidos ( tal como a ideia de Deus serviu para amedrontar os povos durante séculos) tem os dias contados, pois a História assim o determina, tal como profetizou Marx (que a paz seja com ele).

  2. É uma boa altura para o Gaius ir ao médico.É fácil falar com a barriga cheia.
    Pobre do povo se o PC implantasse cá as suas benesses.

  3. Lá muitos querem comer, aqui muitos querem ser comidos. O pcp não percebe nada, por isso na Venezuela bate nos que querem comer, no Avante bate nos que querem ser comidos.

  4. A.R

    O que me contam os familiares que lá restam, pois não podem sair como os 2 milhões que já se fartaram da festa, é que as conquistas são as seguintes:
    – Fome generalizada excepto para militares e família que beneficiam de regalias especiais
    – Aumento da criminalidade de 500% desde o chavismo
    – Aumento da mortalidade materno-infantil em 30%
    – Regresso de doenças já extintas
    – Total ausência de medicamentos
    – Morte por falta de medicamentos e assistência médica em números terceiro-mundistas
    – Comunicação social monocórdica
    – Riqueza inexplicável de clientelas chavistas incluindo a mulher mais rica da Venezuela: uma filha de Chavez
    – Sindicatos desapareceram!

    Felizmente lá aparece o decalque de Chavez nos túneis do Metro ou chilreado por um passarinho.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s