Um lamento

É pena que o Ricardo não tenha a frontalidade de me nomear quando está a responder a críticas que lhe fiz. Fico assim a saber que não vale a pena discutir com ele.

Anúncios

15 thoughts on “Um lamento

  1. Koimbra

    Regra número um do Pacheco Pereira: nunca lutes com um porco, ficas sujo e o porco gosta… Long live Ricardo! Aguenta, e continua insurgente!

  2. estava aqui a ver, o insurgente tem aqui uma caixa do twitter com os autores – fui ao twitter do bruno e contei as suas últimas 30 publicações, 20 eram sobre o trump, isto é muito triste.

    tenha calma bruno, eu acredito que é uma boa pessoa e que apenas quer o que pensa que é melhor – talvez seja altura de encostar a sua cadeira para trás e respirar fundo – está a canalizar demasiadas energias para isto, pense antes na sua vida pessoal, em arranjar uma namorada, ter uns filhos, etc.

  3. e não, não concordo com todas as políticas do trump e consigo reconhecer os seus defeitos mas esta histeria toda que provoca é hilariante, acho que valeu a pena ser eleito – o mundo estava a ficar demasiado aborrecido.

  4. The Westphalian Post

    Isto é de uma desfaçatez primorosa: este autor emite três posts seguidos com ataques pessoais a um colega e depois ainda se acha no direito de uma resposta por parte de quem insulta. É preciso lata.
    E que tal um pedido de desculpa, não?
    Em conversas civilizadas, o direito de resposta atribui-se a quem é interpelado, não a quem interpela. Nestas circunstâncias, apenas é de louvar a paciência do Ricardo para teoricos da conspiração sem respeito.

  5. Cresça e apareça.
    Você parece uma criança birrenta a semelhança dos lunáticos que julgam que todo o mundo detesta Trump.

  6. Lamento?
    Frontalidade?
    Vindo de um gajo que censura comentários ?
    Julgas-te o centro do universo porque não te respondem ?
    Ta f*der Bruno Alves…
    Vê lá se publicas este comentário apesar do seu objectivo estar desde já 100% atingido

  7. Não conheço o Bruno nem o Ricardo. Admiro a capacidade intelectual e cultural de ambos mas tenho muitas dificuldades em discernir quem tem razão na discussão que os entretém, embora me incline mais para as posições do Bruno. No entanto, uma coisa me parece clara: enquanto o Bruno insulta clara e nitidamente o Ricardo, este opta por defender acerrimamente as suas ideias sem as tornar numa luta pessoal e sobretudo, sem insultos. Assim, embora o Bruno até possa ter a razão do lado dele, no que à discussão intelectual e política diz respeito, moralmente é muito inferior ao Ricardo, que será uma pessoa eticamente muito mais forte do que o Bruno. Acho que o administrador do blog já devia ter chamado a atenção do Bruno para a cada vez mais clara baixeza dos seus ataques e insultos pessoais.

  8. André Miguel

    Eu pensava que isto era um local de discussão e argumentação, não o muro das lamentações.

  9. “Tadinho” do Bruno! Só lhe faltam mesmo as asinhas para voar como a vaca do Costa. Será que está apaixonado pela Hilária e ainda não sabe?

  10. teste

    esta caixa de comentários devia ser emoldurada e colocada nas paredes da sede do cds no lugar da foto do Freitas do Amaral

  11. Pingback: Trumpgate #37 – A visão de um Progressista – O Insurgente

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s