A imprensa espanhola volta a fazer o seu trabalho

UN PAÍS EN LLAMAS

El cártel español del fuego amañó contratos de extinción de incendios en Portugal

El gobierno luso pagó hasta tres veces más de lo que realmente costaba el servicio contratado.

De regresso à realidade e quase uma semana após o mais grave incêndio florestal, quando é que as autoridades poderão dar informações sobre o número de desaparecidos?

Leituras complementares: Descubra as diferenças; Todos à procura do D. Sebastião.

 

Anúncios

5 thoughts on “A imprensa espanhola volta a fazer o seu trabalho

  1. André Miguel

    Se os portugueses possuirem dois dedos de testa e um pingo de amor próprio, isto não pode acabar bem.

  2. Gabriel Orfao Goncalves

    https://sol.sapo.pt/artigo/569173/inc-ndios-pacheco-pereira-faz-duras-criticas-a-comunicacao-social-

    Tirando uma situação em concreto – a de Judite de Sousa, que fez algo totalmente desnecessário – não vi a comunicação social (com excepção da TV, que, por não ver, não posso avaliar, com excepção dos segmentos de TV que acabam por ir parar à net e com os quais me cruzo) fazer o que Pacheco Pereira descreve.

    Numa próxima “emissão de opinião” de Pacheco Pereira certamente que este dirá algo sobre a comunicação social… alemã:

    Sabem qual é a comunicação social boa? A venezuelana. E a da Coreia do Norte.

  3. “SIRESP falhou pela primeira vez às 19h45. A resposta da Protecção Civil a Costa”
    A falha do SIRESP começou com o próprio António Costa enquanto governante em executivo anterior do seu partido. Porque a adjudicação foi considerada ilegal por um organismo do Estado foi anulada pelo seu ministério, mas Costa limitou-se a renegociar com o mesmo fornecedor o valor da aquisição.

  4. JP-A

    Quero agora ver como é que as “autoridades” vão processar o testemunho do rapaz da SICN no jornal das 21h00 e o fogo bem pegado sem qualquer trovoada, que apareceu muito mais tarde. Ainda por cima com aquela foto. Este país é uma anedota.

  5. Comuna de direita

    Já há relatos nas regiões afectadas de que o número oficial de mortos não coincide com o número real…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s