O socialismo de Cristas strikes again

Mas as pessoas do CDS enlouqueceram?! Fiquei boquiaberta com esta notícia. Agora quer o CDS como bandeira o valor do trabalho – quando devia preocupar-se com condições para aliviar as empresas de custos desnecessários, inúteis, consumidores de recursos e, lá está, inimigos da produtividade e da acumulação de capital, que é o que melhora salários e condições de trabalho?! Terão noção que só perdem votos à direita com esta converseta e não ganham um único voto à esquerda? Farão ideia do que é o eleitorado preferencial de um partido de direita?!

E a ideia da sabática é do mais ridículo e diletante que já li. Devem supor que todos os trabalhadores são gente com possibilidades de ir fazer um mestrado ou uma pós graduação para enriquecer o CV. Quando, na verdade, para a maioria dos trabalhadores – pouco escolarizados e muito indiferenciados – parar de trabalhar por algum tempo é suicidário, sobretudo depois dos quarenta anos. De resto se o CDS se preocupa com os trabalhadores, devia informá-los como prejudica uma futura contratação alguém ter estado todo o tempo do subsídio de desemprego sem trabalhar, nunca incentivá-los a parar por seis meses para um tempinho de enriquecimento pessoal ou – delírio completo ( o país está cheio de gente capaz de se sustentar seis meses sem trabalhar) – lazer. Só falta darem o passo seguinte e proporem que este tempo agradável seja pago pelos contribuintes.

Enfim, Assunção Cristas sempre se gabou de ser pouco de direita e pouco ideológica, mas isto é abuso.

Anúncios

7 thoughts on “O socialismo de Cristas strikes again

  1. mariofig

    Detesto fazer o papel de enchouriçado. Mas onde está a surpresa? Porque é que será que fica toda a gente tão chocada com quem perdeu qualquer confiança no centralismo democrático, ao mesmo tempo que constata preto-no-branco como esse centralismo se desviou por completo das suas bases?

    O CDS há muito-muito tempo que não mais representa a sua base eleitoral. Aliás, as coligações à esquerda com o PSD se encarregaram de “institucionalizar” esse desvio na psique do centro-direita. Não é propriamente à toa que o CDS não mais conseguiu os resultados de Freitas do Amaral ou Lucas Pires que mesmo no antagonismo dos anos pós-revolucionários conseguiam melhores resultados que a trupe do Paulinho. E até mesmo Manuel Monteiro que era tão mau, tão mau, conseguiu um resultado eleitoral que levou o Paulinho 10 anos a repetir e apenas depois do PS ter nos levado à bancarrota.

  2. mariofig

    Partidos satélite são isto mesmo.
    Se o PS é a Terra, o PSD é a Lua.
    E o CDS é assim tipo satélite atmosférico, depois de se ter desviado da sua rota e começado a orbitar a Lua.

  3. mariofig

    E vale a pena também lembrar José Ribeiro e Castro — o líder sacrificado para o Paulinho tirar umas férias dos 8% — que fez num dia mais pela direita Portuguesa que o todos os outros juntos, quando em 2013 apresentou, defendeu e promoveu a proposta de Lei do retorno dos judeus sefardistas portugueses. Aprovada dois anos depois, em 2015, no mesmo ano em que JRC, desiludido com o que chamou a doença do sistema partidário e a consumadocracia no seu partido, se retirou definitivamente do Parlamento e da vida política.

  4. Com este CDS ninguém se admiraria se fizesse uma coligaçãocom o PS se este não obtiver maioria absoluta nas próximas eleições … acho que está tudo dito.

  5. Luís Lavoura

    MarioFig

    Atrevo-me a perguntar, quantos judeus sefarditas “portugueses” é que já “regressaram” a Portugal graças à lei propugnada por Ribeiro e Castro?

    É que eu tenho a impressão de que essa foi uma lei sobre um conjunto vazio…

  6. O que rende votos é ventilado abundantemente, independentemente da ideologia.

    O CDS sempre gostou de ter um Estado “mandão” que beneficie os seus eleitores.

    O seus eleitores não são os operários que a autora do artigo refere.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s