Inaceitável: Direcção da FCSH cancela conferência de Jaime Nogueira Pinto (5)

Cancelamento de conferência é “acto de censura grave” e “abjecto”

Na opinião de João Taborda da Gama, comentador diário no programa Carla Rocha – Manhã da Renascença, ao lado de Francisco Assis, trata-se de um “acto abjecto”, decorrente de uma “tentativa de pensamento único, que tem mais de único do que de pensamento”. (…) Taborda da Gama anseia por “ver qual vai ser a posição oficial da reitoria da Universidade Nova” e espera “que rapidamente seja reposta a justiça e a universidade faça jus ao seu nome e à sua essência”.

Advertisements

6 thoughts on “Inaceitável: Direcção da FCSH cancela conferência de Jaime Nogueira Pinto (5)

  1. Plenamente de acordo com a opinião de João Taborda da Gama, porque a decisão tomada pela reitoria é vergonhosa. A democracia é um sistema que se opõe aos valores que os estados totalitários defendem, a não ser que já não estejamos a viver numa república democrática, mas numa república de estudantes irresponsáveis.

  2. Ambrósio

    Na “nova” (que só o é de nome porque mais parece um fóssil marxista) fazem praxes?

  3. Anticapitalista

    Irreverências próprias da juventude…
    Quem não se lembra do Sr. Durão Barroso, do Dr. Pacheco Pereira, ou até mesmo do Sr. Jornalista José Manuel Fernandes, por exemplo, quando em 1974 defendiam o marxismo-leninismo-maoísmo e muito mais,?!?!…
    E hoje, ou depois do 25.11.1975 mais própriamente, qual o mal que veio ao mundo pela intervenção destes nossos concidadãos?!?!…
    Bom, se exceptuarmos as armas químicas e de destruição massiva que, por acaso, os três sabiam que existiam, mesmo que se tivesse provado que não. E que consequências vieram para o mundo, e mais particularmente para a Europa, com as invasões do Iraque, Líbia….???…, nada comparável com o não deixar fazer propaganda fascista a um feroz direitista do calibre do Dr. Jaime Nogueira Pinto, como é evidente, obviamente.
    Perdoai-lhe Senhor que sabem bem o que querem mas o Zépovinho luso não vai deixar fazer o que voces pafistas pafiosos querem, porque 48 anos chegaram e, desde 25.04.1974, 25 DE ABRIL SEMPRE!!!!…fascismo NUNCA MAIS!!!!

  4. Stalenin

    A extrema direita radical, d’O Insurgente ao Observador, esteve na linha da frente na defesa da organização proto-fascista auto-denominada Nova Portugalidade. Rasgando as vestes, propalaram as mentiras e alimentaram o golpe propagandista e oportunista da organização. Cuspiram ódio e veneno contra os representantes dos estudantes da FCSH-UNL, que se recusaram a co-promover o evento com JNP. Sempre que puderam, de bom grado culparam os estudantes e imediatamente acolheram a ideia, tão conveniente à V. causa, que os estudantes (sempre perigosos esquerdistas) ameaçaram usar da violência contra JNP e os organizadores da conferência.
    Agora, que se sabe que a Nova Portugalidade exigiu à direcção da FCSH que um corpo policial estivesse presente na conferência e que, uma vez negada esta possibilidade por parte da direcção, a Nova Portugalidade sugeriu que podia levar 10 pessoas para garantir a segurança de JNP, agora, repito, nem uma palavra da V. parte. Sobre a violência e ameaças exercidas por parte elementos do PNR contra os estudantes da FCSH, nem uma palavra.
    Assim se vê qual é a agenda da extrema direita radical, de que V. são a primeira linha de defesa.

    Stalenin

  5. STALENIN (só este nick é já em si uma eluciativa referência totalitário-comunista) : “Agora, que se sabe que a Nova Portugalidade exigiu à direcção da FCSH que um corpo policial estivesse presente na conferência e que, uma vez negada esta possibilidade por parte da direcção, a Nova Portugalidade sugeriu que podia levar 10 pessoas para garantir a segurança de JNP,…”

    Não sei se isto foi mesmo assim.
    Quanto à presença policial, o que ouvi foi um porta-voz da “Nova Portugalidade” insurgir-se pelo facto da Direcção da FCSH ter anulado a conferência com o pretexto de que existiam ameaças de que, a acontecer, poderia haver uma tentativa de boicote pela força em vez de ter optado por pedira a protecção policial.
    Mas, vamos admitir que foi assim.
    Os receios da corrente organizadora da conferência eram perfeitamente fundamentados.
    Como se viu pelo que se passou neste caso.
    E, sobretudo, pela experiência que existe deste tipo de situações desde há muito tempo e quase sempre.
    Vamos dizer as coisas como elas são efectivamente : é sempre a extrema-esquerda (por vezes até secundada ou com a cumplicidade de uma certa esquerda dita “moderada” mas que não o é efectivamente e que é sobretudo “idiota” !…) a tentar boicotar, pela força e se necessário usando a violência, as iniciativas de livre expressão de ideias por parte da extrema-direita (e algumas vezes até por parte de uma direita não extrema ou mesmo moderada !…) !!!
    Quanto à alegada sugestão dos organizadores no sentido de levarem pessoas para garantir a segurança da conferência e dos participantes se esta não fosse assegurada por uma presença policial, qual é o espanto e porquê tamanha indignação ?…
    Então só a extrema-esquerda e a esquerda em geral é que tem o monopólio dos “serviços de ordem” para manifestações, comicios e todo o tipo de iniciativas, mesmo quando está assegurada a presença policial ?
    Quer dizer, quando é um “serviço de ordem” da esquerda é gente pacifica que apenas está ali para assegurar que tudo se passa tranquilamente e pacificamente, mas quando é a direita a fazer o mesmo já se trata de uma “milicia”, de um grupo de provocadores e arruaceiros que vêm violentar e lançar a confusão ?!….

    NOTA : Não tenho nada a ver nem simpatizo ou concordo com as ideias da “Nova Portugalidade”. Mas não posso aceitar que se procure limitar a liberdade de expressão desta corrente e de iniciativas por ela organizadas com o pretexto de se trata da “extrema direita”. Quem acha (eu não !) que a liberdade de expressão dos extremos deve ser limitada então reclame também que essa limitação abranja igualmente a extrema esquerda. O cúmulo é que seja a extrema-esquerda, herdeira e porta-voz do totalitarismo comunista, que ainda hoje inspira e se inspira de alguns dos piores regimes comunistas e neo-comunistas do nosso tempo (enquanto que os regimes fascistas e nazi já desapareceram há décadas), a ser deixada livre de boicotar pela força iniciativas da extrema-direita. É mesmo deixar ou entregar o pau ao pior dos bandidos !!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s