Um péssimo serviço à academia

Hoje, a Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa cancelou uma palestra cujo principal orador era Jaime Nogueira Pinto. Versaria sobre populismo, Trump e Le Pen. Não sei sobre o que falaria mais, e com esta atitude pidesca dificilmente saberemos, mas isso também não é relevante. O que merece relevo, e muita preocupação, é a atitude persecutória de um conjunto de alunos, que ameaçou praticar actos de violência caso a Faculdade não cancelasse o evento — que lamentavelmente cancelou. A Universidade é a plataforma por excelência do pluralismo e da discussão com enlevo. Quando os debates não são travados e trovados no contexto digno de uma academia, prontamente extravasam para as ruas sob formas violentas, e são catalisados pelos tais populistas que importa combater. A Faculdade de Ciências Sociais e Humanas prestou um péssimo serviço à Universidade Nova e à academia, demonstrando que as ameaças e os diktats de meia dúzia de palermas, que agem sob o pretexto de «combater posições colonialistas e xenófobas» e se comportam que nem fascistas, os tais que querem combater, resultam. Este tipo de comportamento intimidatório é típico de, lá está, regimes ditatoriais.

Advertisements

22 thoughts on “Um péssimo serviço à academia

  1. Manuel Assis Teixeira

    Estamos entregues à bicharada! E a bicharada é esta geringonça que nos governa e estende os seus tentáculos a tudo o que mexe sem ser inclinado para a esquerda, ou tudo o que cheire a voz diferente às vozes dos novos donos disto tudo. Não foi só com Jaime Nogueira Pinto, foi com Alberto Gonçalves impedido de continuar no DN , recentemente com Teodora Cardoso vilipendiada até pelo Sr Presidente! E existem muito mais casos de censura, de branqueamento ou de torção da verdade. Basta ouvir as TVIs. e quejandas! Vamos ter que aguentar. Mas isto vai ter que virar!

  2. Não é de admirar, vindo da escumalha esquerdina que frequenta o local de trabalho dessa badalhoca que dá pelo nome de raquel varela, assim mesmo com minúsculas porque não merece mais. Não ficaria minimamente surpreendido se esta “acção de protesto” tivesse sido instigada ou mesmo comandada por ela. Pode ser que um destes dias as acções destas ratazanas não caiam em saco roto e isto dê realmente para o torto, que é o que eles andam a pedir já há muito…

  3. Stalenin

    Gosto mesmo de vos ver, malta da extrema direita radical, assim a espumar da boca que nem cães raivosos a quem tiraram o osso que roíam há anos. Isto desde que perderam as eleições de 4 de Outubro de 2015 nunca mais foi o mesmo, pois não?! Se aguentam? Ai aguentam, aguentam!
    Os alunos agiram bem. Há que sanear a Academia de pessoas que têm o tipo de posições que JNP assume e defende. É assim mesmo, há muito tempo (e em muito mais lugares) que os alunos deviam ter tomado nas suas mãos a acção para expulsar da Academia a reacção!

  4. Olá Stalenin. O seu comentário é muito revelador desta praxis persecutória de esquerda. Ou estão connosco, ou estão contra nós, não é? Quem o disse foi Mussolini, mas aplica-se que nem uma luva a si.

  5. Anti-esquerdalhada

    Apenas pretendo lembrar a reles e imunda esquerdalhada que a constituição (que para as criaturas é como se fosse a Bíblia) ainda possui lá o artigo 21°.

    Mais: é bom que todos nós nos recordemos sempre disso. É que nunca se sabe se não chegará o dia em que seja necessário pô-lo em prática…

  6. ABC

    Mas alguém duvida de que isto é um teste do PCP? Eles andam a testar sucessivos pontos para ver até onde a coisa amolga sem partir. Eventualmente vamos ter que lhes amolgar os cornos. Uma merda duma associação de fedelhos paus-mandados ameaça? É claro que têm as costas quentes e os miolos no cú. Mas quem os usa sabe o que está a fazer. E sabemos quem são. António Costa, Jerónimo Sousa, Catarina Martins, Marcelo Sousa. Os novos rostos do fascismo. Ou os rostos do novo fascismo.

  7. Fui ver quem está na direcção da FCSH e fiquei varado, não conheço nenhuma daquelas sumidades. E a faculdade até tem uma meia dúzia de professores com obra meritória. Nenhum se mete a dirigir a enxovia. É isto que se está a passar nas universidades: com as mudanças estatutárias e regulamentares a coisa ficou entregue aos mais medíocres e mais sabujos. Nenhum professor digno aceita governar essas chafaricas, nem aceita nem o aceitam. As universidades com a a3es e a fct foram tomadas pelos carreiristas mais repugnantes.

  8. c3lia

    “The fascists of the future will be called anti-fascists” – há quem atribua a frase a Churchill, mas a Churchill Society diz que não há nenhuma prova de que seja ele o autor. De qq modo, a frase aplica-se à esquerda contemporânea.

  9. VB

    Faculdade de ciências sociais é uma contradição de termos absurda, de qualquer forma duma fábrica de lixo como aquela não se espera mais.

  10. André Miguel

    São tão idiotas que nem se lembram que ao censurar legitimam que outros os censurem. Isto vai acabar mal.

  11. Luís Lavoura

    Não sei sobre o que falaria mais

    JNP fala sobre muitas coisas mas raramente, ou nunca, diz uma frase completa sobre seja o que fôr. Certamente que ele falaria sobre muitas mais coisas mas é pouco provável que alguém fosse ser capaz de compreender qualquer ideia, porque ele nunca as expõe por completo.

  12. Há uns tempos dei por mim a reflectir sobre o que é a esquerda e os ideias progressistas, e acabei por concluir depois de saber que o ex-candidato a gerir a CGD também era do MRPP e no seu tempo, seguramente também teve opiniões anti xenófobas e outros rótulos que se invocam para cercear o direito à liberdade de expressão, que afinal a esquerdas são uma camada de anormais incapazes de se relacionar socialmente, incapaz de aceitar posições diferentes, incapazes de sociabilizar… o argumento das ideias progressistas é apenas uma cortina para legitimar uma abuso social…

    Se de outra forma não se resolve terá de se resolver à lambada e ao pontapé… Foi assim que o PCP foi corrido de Trás-os-Montes nos idos anos 70 do século passado…

  13. Já percebi, como o JNP não diz coisa com coisa os alunos protegem-nos proibindo que fale.
    O Lavoura está quase a aconselhar que se envie o individuo para “um Gulag” para ser reeducado e passar a dizer o que o Grande Líder manda.

  14. ruicarmo

    “JNP fala sobre muitas coisas mas raramente, ou nunca, diz uma frase completa sobre seja o que fôr”

    Isto escrito pelo Luís Lavoura, tem outro impacto. Não são todos os que conseguem escrever frases completas e sobre tudo e mais alguma coisa sem ler o que está escrito.

  15. Luís Lavoura

    Rui Silva

    o JNP não diz coisa com coisa

    Não foi isso que eu escrevei. O que eu escrevi é que ele costuma começar um frase sobre um assunto qualquer, a meio da frase interrompe-a sem que se chegue a compreender o que ele queria dizer, e começa outra frase sobre outro assunto qualquer, que por sua vez também não chega a completar, e assim por diante. Dessa forma, torna-se muito difícil apanhar qualquer ideia que ele queira transmitir.

    O problema é que ele salta de uma ideia para a seguinte sem chegar a explanar na totalidade nenhuma delas, pelo que, frequentemente, não compreendo o que ele quer dizer.

  16. Luís Lavoura

    Rui Carmo

    Não são todos os que conseguem escrever frases completas e sobre tudo e mais alguma coisa sem ler o que está escrito.

    Não me referi à forma como JNP escreve nem à forma como ele lê. Referi-me à forma como ele fala.

  17. mariofig

    Nós também muitas vezes não compreendemos o que o Luís Lavoura quer dizer. E ainda assim não lhe é negado o direito de expressar as suas ideias, mesmo considerando como são diametralmente opostas a linha ideológica vigente no Insurgente. E mesmo até quando consideramos o perigo que pessoas como o Luís Lavoura podem representar para os valores da liberdade e democracia. Portanto, em vez de prosseguir na sua linha demagógica de criticar as capacidades verbais de JNP, gostaria de lhe pedir para se pronunciar de facto sobre o que aqui está a ser discutido. Ou seja, o que pensa sobre o cancelamento deste evento. E deixe para lá o ad hominem se faz favor, porque cheira a deflexão e demagogia barata.

  18. A estupidez não se desenvolve apenas nas tabernas e locais afins. Nas universidades também tem campo para se reproduzir. O que agora se relata sobre a censura a uma conferência de Jaime Nogueira Pinto, ultrapassa o razoável. A besta humana está à solta.

  19. Luís Lavoura

    MARIOFIG

    gostaria de lhe pedir para se pronunciar de facto sobre o que aqui está a ser discutido

    É lamentável, evidentemente, a tomada de posição da Associação de Estudantes.

  20. Terminator

    A escória marxista é a pior de todas as escórias. Depois admirem-se de que surgem os Trumps e os Le Pens deste mundo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s