Da série “palavra dada…”


21 pensamentos sobre “Da série “palavra dada…”

  1. JP-A

    O discurso de há 10 meses era assim.

    “Entretanto já na fase final da entrevista, António Costa disse que nas reuniões que tem tido com o PSD e o CDS tem recebido “surpresas desagradáveis”, relacionadas com as finanças públicas de Portugal e que segundo o Secretário-Geral serão conhecidas em breve, até porque “há um limite para a capacidade de um Governo esconder a real situação financeira do país”.”

    Pois há! 🙂
    É que é mesmo isso!

  2. JP-A

    “Costa: “Demitia qualquer membro do Governo que fosse investigado por corrupção”” (Observador, Junho 2015, antes das eleições)

    Agora: “PGR avança com inquérito crime a viagens da Galp”

    Palavra dada, palavra atropelada. Mas não é bem assim! Repare-se na subtileza do truque habilidoso:”diz que demitia quem fosse investigado por suspeita fundada de corrupção.”

    Pois é – presunção de inocência, trânsito em julgado, direito ao bom nome, etc.

  3. JP-A

    São aos montes os podres!

    “Paulo Azevedo afirmou na Operação Marquês que o GES tinha uma situação líquida perto do zero já em fevereiro de 2007 e que esse facto era do conhecimento generalizado da banca portuguesa.”

    Também ninguém sabia à data. Nem o Ministro da Administração Interna, nem o sócrates, nem a TVI, nem o BdP, nem ninguém! Nada! Quem sabia eram os funcionários dos balcões dos outros bancos! Esses sim, sabiam.

  4. António Costa trata de todos os temas cruciais como se de uma conversa numa garden party se tratasse. Tudo é uma conversa de café, sempre de raspão, nunca aprofundado o tema e repetindo frases que ouviu encaixando piadas de futebol sem graça, sempre com aquele sorriso escarninho de vendedor de carros usados. Se necessário prometeria um quintal em Marte a todos, promessas para ele valem tanto como uma acção do BCP.
    É uma versão mais limitada do Sócrates (valha-nos isso), também atento aos pormenores completamente insignificantes (primazia da chica espertice que ganhou em anos de jota, daria um excelente vendedor na feira de material roubado, nunca compreenderá é o que é ter de trabalhar e acrescentar valor). Pormenores esses que aos olhos do nosso eleitorado são infelizmente importantes. Eleitorado que permite a esquerdalha e abrilada vociferando os mais grotescos bitaites com tiques de totalitarismo, mas que é sanguinária com qualquer comentário menos ao centro (jornaleiros também incluídos)…
    É no fundo um problema geracional que vai levar tempo a resolver, fruto de demasiado tempo de ditadura e ignorância, e uma elite vazia e oca a quem essa ignorância lhes permite negociatas com o estado. Tira-se o estado tira-se a mama das elites.
    Se fosse o Passos a dizer isto, havia uma manifestação de vários dias com autocarros das câmaras do PCP frente à assembleia.

  5. Ribeiro Magalhães

    Comentar assuntos do costa? Só se ele conseguirá enganar- me… o que ainda não aconteceu…

  6. JMS

    Manolo,

    Trabalho desde 1981 e o único que me cortou o subsídio de natal foi o Mário Soares em 83 ou 84.

    Um bocadinho de verdade, de vez em quando, não lhe fazia mal nenhum…

  7. Holonist

    JMS ,

    Nao vale apena insistir com o miolos de merda , o nivel de filha da putice dele nao conhece limites.

  8. Dervich

    Já eu trabalho desde 1994 e o único que me cortou e corta o subsídio de Natal desde há 4 anos (e de férias, em 2012) foi o Vítor Gaspar.

    Se é para falar verdade, falamos a verdade toda.

  9. E cortou porque antes uma quadrilha tinha ido ao pote.
    A mesma quadrilha pediu e assinou o documento que levou ao corte do subsídio.
    Infelizmente pagamos todos.
    Quando só deviam pagar aqueles que defendiam e ainda defendem a quadrilha que regressou ao poleiro

  10. Baptista da Silva

    Já não tinham revertido isso? Reverter a reversão é dupla progressão, é progresso ao quadrado! A página foi virada…

  11. Francisco Lx

    É preciso ter lata para vir aqui defender uma medida (a de dividir os subsídios pelos doze meses) que só serviu para disfarçar os cortes brutais feitos aos salários das pessoas sem que elas protestassem muito. Agora estão ansiosos que seja o Costa a assumir o odioso de reduzir efectivamente o que aparece escrito no fim da folha de salário de cada um. A isto chama-se “esperteza saloia”.

  12. Manolo Herédia:

    «Até parece que o Costa cortou o subsídio de Natal, como fez o Coelho!»

    Até parece que o Coelho cortou 25% dos salários de alguns!

    Tenha cuidado com a trave do seu olho antes de apontar o argueiro no nosso.

  13. João,

    «[O Costa] É uma versão mais limitada do Sócrates»

    Engana-se. O Costa é o mestre. É mais matreiro que o Sócrates.

    O Sócrates tem a fina qualidade da manigância. O Costa junta a isso a capacidade de convencer os calhaus de que são paus. É um manigante finório.

    O quarenta e quatro acreditava na sua mentira. O Costa sabe fazer com que os portugueses acreditem na sua. Até que percebam que o dinheiro lhes fugiu e que afinal era o Coelho quem tinha razão.

  14. Baptista da Silva,

    «Já não tinham revertido isso? Reverter a reversão é dupla progressão, é progresso ao quadrado! A página foi virada…»

    Pois, mas as recessões somam-se, não se multiplicam. Dois sinais negativos não são a cura, mas a dor de galheiro bem mais pungente. 😉

  15. Filipe,

    «Se a cobra fosse gorda e mais escurinha, o peixe seria o tuga.»

    O homem em questão é fino, escorregadio e traiçoeiro. Não tem respeito por ninguém senão por ele mesmo. Ao pé dele, o Sócrates é um santo! (Nunca pensei dizer isto, nem em contexto de comparação, mas eis que o digo)

    A barriga rotunda, essa é fait-divers. O Costa é fino. Não tão inteligente quanto esperto e manigante.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Foto do Google

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Foto do Facebook

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.