A Mariana Mortágua é uma fraude

A imagem que tenho da Mariana Mortágua é a de alguém que consegue dizer os maiores absurdos mantendo uma calma olímpica. A Mariana faz afirmações aparentemente fundamentadas. A forma como o diz faz com que se acredite e muita gente quer mesmo acreditar nela. Mas a verdade é que das poucas vezes que tentei confirmar afirmações quantificadas feitas pela Mariana nada batia certo.

jcd, Blasfémias.

A Mariana mente, inventa, diz qualquer coisa, porque a Mariana sabe que o importante não é a relação daquilo que diz com a realidade, mas o efeito que produz. Não importa sequer se o que diz tem sentido, desde que o disparate seja dito com um ar sério. O ar ela até afivela. Mas séria é que ela não é.

10 pensamentos sobre “A Mariana Mortágua é uma fraude

  1. Anticapitalista

    Claro, quem ama passos&portas&cavacos&gaspares&relvas&isaltinos&loureiros&limas&cia, detesta Marianas. É a mais elementar lógica aristotélica a funcionar.

    E porque o currículum da Mariana já é invejável, frequentando a escola pública – o passos foi para a escola privada onde teve a Maria Luís como prof., por exemplo – a for de corno faz-se notar.

    Não lhe perdoais Senhor, porque sabem o que fazem, dizem e escrevem, estes pafistas ainda aziados!….

  2. tina

    Ela segue o exemplo da chefe, mentem as duas muito. Mas a Mariana também é muito burra e quando fala sobre economia deixa os cabelos em pé de qualquer pessoa.

  3. … nunca tive dúvidas dos seus conhecimentos contabilisticos (o que por si não é grave) quando perguntava na comissão de inquérito do BES ‘para onde tinha ido o dinheiro das provisões (imparidades)…’
    … não saber das regras contabilisticas é uma coisa outra é fazer perguntas técnicas sem saber da técnica e usar de um tom atrevido próprio dos ignorantes…

  4. Não é preciso exagerar nas críticas aos comunas.

    É sabido que as empresas que eles criaram são um exemplo de produção de riqueza, realização profissional dos trabalhadores, boas relações entre estes e os patrões, e a base do crescimento sustentável que faz progredir o país.

    Se não fossem as empresas dos comunas, o seu empreendedorismo, a sua visão, os seus conhecimentos, onde é que nós estaríamos?

    Eu adoro as empresas dos comunas. Só tenho pena de nunca ter conseguido visitar uma, mas a verdade é que não tenho dinheiro para ir a Cuba ou à Coreia do Norte, esses países para onde tantos e tantos emigram e de onde não voltam, porque lá encontraram o Paraíso na Terra…

  5. André Miguel

    Claro que é uma fraude. Todo o socialismo é uma fraude, a verdadeira face do mal. Não há nada mais perverso e maléfico que o desejo de subjugar muitos à vontade e capricho de uns poucos.

  6. tina

    Eu diria antes, André Miguel, “Não há nada mais perverso e maléfico do que aqueles que mais desemprego criam autodenominarem-se defensores dos pobres”.

  7. JP-A

    Assisti a uma intervenção dela por uns poucos minutos na AR há dias. Logo na primeira pergunta a que assisti, questionou o Governador do BdP taxativamente sobre o seu papel de intermediário em operações de um banco. O senhor explicou-lhe de imediato que o BdP era mero observador naquelas operações e que o fundamento da pergunta estava completamente errado. Ela passou por cima e percebeu-se bem que aquilo foi surpresa nenhuma. Quando muito, uma pessoa muito mal preparada. O problema é que logo a seguir veio outra que pelo que percebi era mais ou menos do género. Pequenas imprecisões como as que passam na TV sobre as escolas privadas, quando nas praças do país o BE coloca cartazes com mensagens sem espinhas do tipo nós não pagamos para os outros. Curioso, porque ainda não disseram nada ao resto do país sobre o que ontem aconteceu na STCP, nem sobre o que ali e na Carris acontece há décadas, como em muitos outros lados. Isto é gente para lidar com massas altamente informadas nos detalhes dos jogadores da seleção nacional, daqueles que sabem os resultados dos últimos 20 anos de cor, e nada ou pouco mais. Havemos de pagar o preço merecido.

  8. antónio

    Desenganem-se todos aqueles que julgam que estas Mortáguas e a própria actriz Catarina pensam pela sua própria cabeça. Os conhecimentos técnicos destas raparigas promovidas a parlamentares são absolutamente vulgares. Essas raparigas são apenas o trombone do chairman daquela pequena agremiação chamada de Bloco de Esquerda. O chairman chama-se Louçã. Andaremos todos certamente por estas caixas de comentários pelo que com tempo todos haverão de ver como tenho razão nesta minha afirmação do chairman Louçã que é um autêntico desmiolado.

  9. Basta ter o pouco de génio e a inveja vem logo ao de-cima. Mariana Mortágua é genial e por isso é um inimigo público a abater por parte dos pafiosos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.