Porcos, Feios e Maus

No dia 11 de Março, data com simbolismo especial no PREC, o Ministro da Agricultura decidiu não receber os representantes do sector da suinicultura que se tinham deslocado a Lisboa com as suas viaturas, na sua maioria camiões.

Estes produtores de porcos sentiram-se enganados pelo ministro e pela polícia que os enquadrou e fizeram várias marchas lentas que condicionaram o trânsito em Lisboa e arredores pela noite dentro. Interessante foi ouvir o líder dos manifestantes dizer durante com alguma dificuldade de quem ataca os seus, que se sentia defraudado pela falta de ajuda do Estado Português. O que aliás não deve  admirar, tendo em conta que para todas as questões mais problemáticas que têm surgido, o governo da geringonça tem uns Euros para distribuir.

Mas o surpreendente neste processo não são os protestos nem as formas de luta, mas sim as declarações do ministro Socialista Capoula dos Santos que são elucidativas de um novo discurso, diz ele que : “sou solidário com os produtores de suínos, mas o Governo nada pode fazer, pois trata-se de um problema de mercado, em que existe um desiquilíbrio entre a oferta e a procura.” Ainda pensei que pudesse ser uma imitação do Portugalex, mas não,  era mesmo o nosso ministro da agricultura a declarar o princípio universal do liberalismo económico.

Ora nem mais , o ministro socialista do governo da geringonça parece ter descoberto as vantagens do mercado que são tão queridas dos economistas mais liberais.

Pena que os seus colegas das finanças, da educação, da economia e da saúde não partilhem do mesmo pensamento liberal e interfiram na lei da oferta e da procura em cada decisão que tomam pelas mais diversas motivações e razões. Umas vezes são os manuais escolares, outras a ADSE, ainda também interferem nos preços dos combustíveis e mais importante ainda , esquecendo completamente as leis da oferta, não permitem que ela (oferta) desapareça quando os maus agentes (bancários) vão a falência .

O ministro Capoulas será provavelmente um surpreendente “liberal” isolado (no sector mais socialista da UE) neste governo da geringonça.

2 thoughts on “Porcos, Feios e Maus

  1. tina

    Se for preciso, a geringonça esfolará e matará vivos todos aqueles que não são funcionários públicos. Aos funcionários públicos, lambe as botas com muito esmero, amor e carinho. Perpetuar-se-ia assim no governo se não fosse o problema de esta política ser pró-despesa e anticrescimento e necessitar de regastes de vez em quando.

  2. Infelizmente, penso que foi apenas uma manifestação de oportunismo político do ministro. Foi a melhor desculpa que arranjou no momento.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s