O desastre

concordia

António Costa é menino para disparar duma assentada na mesma intervenção (como hoje) que:

– Este orçamento vai fazer a maior consolidação orçamental em muitos anos;

– Vamos fazer a consolidação orçamental que os senhores (da direita) não fizerem, que mais não fizeram do que aumentar o défice e dívida;

– Vamos acabar com a austeridade;

– Vamos dar muito mais às pessoas do que pedir-lhes;

– Fomos forçados a aumentar os impostos;

– Os impostos não aumentam;

– Etc.;

– Etc;

– Etc.

Se alguém lhe chamar a atenção para o facto de ele estar a dizer demasiadas coisas demasiado incongruentes no espaço de tempo demasiado curto de dois minutos, ele é capaz de responder: ai sim? E?!

Reparem: o homem não diz estas barbaridades apenas sob a pressão do debate parlamentar, não. Ele já foi para o Financial Times dizer – na mesma entrevista -, sentadinho no sofá, que:

– Portugal vai reverter a austeridade;

– Vai fazer um ajustamento estrutural de 0,2%;

– Vai fazer o maior ajustamento estrutural em muitos anos.

Isto não é só demasiadamente ridículo. Um primeiro-ministro não tem de ser economista. Mas não sê-lo não favorece a perceção do eventual sarilho para o qual nos está a conduzir. Não é impeditivo, mas dificulta.

Já quando é arrepiantemente ignorante do que quer que seja que mesmo remotamente se relacione com a economia, quando ganhou calo e lata para falar com o maior dos à-vontades daquilo que se percebe facilmente que não faz a menor ideia, quando, em suma, é um aldrabão encartado, preguiçoso, avesso ao estudo e superficial, então temos o caldo muito, muito entornado.

Nestes casos, a inconsciência e a falta de noção conspiram para esconder bem escondida a dimensão do risco das decisões que se tomam, e só por um bambúrrio de sorte, um milagre, sendo o país um convalescente muito frágil, isto não dá um valentíssimo coice.

18 thoughts on “O desastre

  1. “Vamos dar muito mais às pessoas do que pedir-lhes”. O fulano é artista de stand up?
    Agora mais a sério, eu acho que ele acredita mesmo nisso. Está para além das capacidades dele perceber que só dá o que retira. Retira o fruto do trabalho de uns para dar a quem o trabalho não justifica o rendimento recebido.

  2. antónio

    Costa é um politico de capelinhas. Centeno é um economista de secretária do Banco de Portugal sem experiência nenhuma de empresas e economia real. Neste binómio Costa e Centeno parece-me que são ambos de sinal negativo.

  3. JP-A

    É um excelente exemplar do “artista” português, com experiência, escola prática, e sem nenhum problema de consciência. Um sucesso para ele, uma desgraça para Portugal.

  4. JP-A


    “António Costa não quer que fique nada por explicar sobre o Orçamento do Estado para 2016 e meteu todos os ministros do seu XXI Governo espalhados pelo país a explicar em sessões públicas as opções orçamentais do seu Executivo.”

  5. JP-A


    “António Costa é claro: “Não queremos nem pretendemos excluir ninguém do diálogo político”. Ao Expresso, o PM diz que é preciso “respeitar o luto da direita”, acredita que o PSD se pode “tornar um parceiro ativo” e que há “matérias que pela sua natureza convidam a consensos políticos”. Agora a prioridade é governar com estabilidade. “O tempo dos adversários já passou”. Está “tranquilo” com as esquerdas, mas sobre as melhorias no OE avisa: “As balizas são conhecidas”.”

  6. Fernand Personne

    Entreguem o governo deste País a um conjunto de gestores estrangeiros, apolíticos e apartidários! O povo agradece.

  7. Fernand Personne

    Qualquer candidato a cargo político neste País devia passar por uma junta médica psiquiátrica! O povo agradece.

  8. JP-A

    Cheira a pressa eleitoral! Começam a aparecer as respostas para as perguntas que aqui deixei há dias:

    “Hainan Airlines vai financiar a TAP e ficar sua acionista. A autorização do Governo está no memorando assinado na semana passada, mas não foi divulgada”

Deixar uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Alterar )

Connecting to %s