Do bordel rasca

kafka2Podia escrever  isto noutro tom à procura de credibilidade, atenção ou outra coisa do género, mas não me apetece. Poucas vezes acertei tanto como quando disse que isto é tudo um putedo, coisa que me valeu cinco minutos de fama na TV. Nada contra as putas, pelo contrário, vendem o que é delas com toda a legitimidade, não prejudicam terceiros e cumprem um papel social importante desde tempos imemoriais. Já o putedo que nos pastoreia é diferente e chamar-lhes tal coisa pode até ser considerado ofensivo pelas putas. Estes não vendem o cabedal, vendem o intelecto e pior, podiam vendê-lo ao preço que custa uma acompanhante de luxo de um escort service checo ou nova iorquino. Mas não, uma sessão com uma senhora que ataca na mata de Monsanto tem um preço mais alto que muito Professor Doutor que chegou a Ministro. Com a agravante que a puta não prejudica ninguém e a prostituição do Professor Doutor põe-me a mim a pagar sem usufruir do prazer de o empalar.

One thought on “Do bordel rasca

  1. antónio

    Aquele que lhe proporcionou os cinco minutos de fama é um bom exemplo de prostituição intelectual. Para dar continuidade ao putedo será melhor fazer pontaria ao segundo lugar nas presidenciais de Domingo pois será garantia de investidura na presidência…

Deixar uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Alterar )

Connecting to %s