O estranho caso do BANIF

“As contas da resolução do Banif” de Ricardo Cabral (Público)

Por conseguinte, afigura-se que o objectivo primeiro da medida de resolução aplicada ao Banif não foi o saneamento deste banco mas sim a recapitalização do Santander, recorrendo a injecções de capital público no Banif.

“O BANIF e as pilhagens do Século XXI” de João Rendeiro (Arma Crítica)

Em primeiro lugar, IMPARIDADES em inglês diz-se “impairments” e o comunicado oficial do BANCO SANTANDER SA só fala em provisões – “provisions”, não menciona imparidades – “impairments”. É evidente que o SANTANDER TOTTA recebeu à cabeça por incertos acontecimentos futuros de forma conservadora e excessiva.

Em segundo lugar, as imparidades têm que estar registadas no Balanço da instituição PREVIAMENTE à Resolução. As imparidades não podem ser criadas num Domingo à tarde numa sala do BdP conforme a boa ou má disposição dos presentes. De um ponto de vista técnico-jurídico as “imparidades” jamais podem ser criadas no momento ou após a Resolução.

5 thoughts on “O estranho caso do BANIF

  1. tina

    Já tinha lido outro estudo em que o Santander tinha ficado a lucrar 700 milhões. Com os INCOMPETENTES, BURROS E DESLEIXADOS SOCIALISTAS, para quem o dinheiro dos outros não vale nada, o que se pode esperar?

  2. rrocha

    Ponto 1
    Alguém vai ter de explicar isto muito bem por miúdos e contas de merceeiro no sentido de grande parte dos contribuintes perceberem.

    Ponto 2
    So foi feito esta solução com a aprovação do orçamento rectificativo
    PC contra
    BE contra
    PAN contra
    CDS-PP contra
    PSD abstenção
    PR Cavaco Silva promulgação
    “quem cala consente ?”

    Ponto 3
    O “senhor” João Rendeiro e o mesmo que estava a frente do BPP que amavelmente o estado português (nos todos) enterrou 450 000 000€

  3. asam

    O País a saque.
    Novamente!
    E novamente por um governo de esquerda. Desta vez, pelo menos, e para quem tinha dúvidas, ficámos com a certeza que a extrema-esquerda também não se importa de saquear!

Deixar uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s