E agora Catarina? (ou sobre o oportunismo)

 

O eurodeputado socialista Francisco Assis criticou esta sexta-feira o Governo português e a presidência da Assembleia da República por não terem recebido o dissidente político cubano Guillermo Fariñas, acusando-os de cedência a pressões diplomáticas de Cuba.

Anúncios

20 thoughts on “E agora Catarina? (ou sobre o oportunismo)

  1. Luís Lavoura

    tina,
    você que uma vez sugeriu que o Bloco é um partido de mulheres, repare que nesta fotografia há 5 mulheres e 9 homens.

  2. Sobre esse assunto seja no caso dos angolanos ou no caso do dissidente cubano, não se escutou uma palavra da direita! Curioso, não é?! Mas é tão bom fazerem-se de virgens ofendidas.

  3. Manuel Costa Guimarães

    Luis Lavoura,

    O Luaty está outra vez em greve de fome. Onde é que está a esquerda histérica pela liberdade alheia? Onde é que estão as t-shirts agora? Já ninguém exige a libertação? Já ninguém se queixa agora? Você é tão hipócrita como o BE.

  4. Luís Lavoura

    manuel costa guimarães

    “Onde é que está a esquerda histérica pela liberdade alheia? Onde é que estão as t-shirts agora?”

    Não sei. Ainda estão a tempo de se manifestar outra vez…

    “Você é tão hipócrita como o BE.”

    Por que é que eu sou hipócrita? Que manifestação de hipocrisia me viu você? Eu nunca disse uma palavra sobre o caso Luaty…

  5. Ramires

    O lavoura é o exemplo concreto daquela figura, tão grata ao comunismo, do “idiota útil.
    Nunca se assumindo, mas utilizando a untuosidade do beato seminarista a defender a
    “doutrina”…

  6. José7

    Retirado da Wikipedia em português (para que mesmo os imbecis possam perceber): «Ao total Fariñas já realizou 24 greves de fome».
    O Luaty ainda tem muito que jejuar para chegar aos calcanhares do Guillermo…

  7. tina

    A golpada de Costa tem sido útil para desmascarar a esquerda, desde os 0,3% de aumento das pensões mais baixas até isto, percebe-se que que não querem nada saber nem dos pobres, nem dos direitos humanos, pois quando chega o momento da verdade, não fazem nada. Nunca se pode contar com a esquerda, são pessoas mal formadas, sem princípios.

  8. Meu caro Luís, onde o amigo vê cinco mulheres e nove homens, eu vejo dezasseis símios, com a agravante de ao dizê-lo ofender os gorilas, orangotangos, bonobos e chimpanzés, primatas que lhes são em quase tudo superiores.

  9. jc

    Farina não está em greve de fome. Pois não. Em Cuba milhões passam fome tal como Farina. Fome de comida que não têm ( senhas racionadas e falta de $ para comprar comida ) e fome de liberdade que lhe é proibida há décadas pelo grande tirano que a esquerda adora.

  10. Baptista da Silva

    Greve de fome em Cuba ou Angola, é simples, nem é preciso greve, é o dia a dia e o Luaty come bem, há muitos anos que nem sabe o que é um bairro.

  11. rosario almeida

    Uma vergonha os partidos de esquerda virarem as costas a este dissidente de Cuba. Como é possivel no sec 21 serem defensores da ditadura comunista deste país? Esta grupeta toda de esquerda que tanto fala em liberdade, igualdade, democracia, deveriam ir todos pra lá viver, passar fome, sem liberdade de expressao, de viajar, nao ter acesso á internet, nao ver noticias internacionais,etc..etc..etc..penso que viriam todos de lá “convertidos”…e viravam finalmente á direita…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.