13 pensamentos sobre “Aleluia!

  1. JP-A

    Acabar com a austeridade é fácil. Difícil é mantê-la para além dos cofres esvaziados, mas entretanto deitam-se os foguetes antes da festa.

  2. antónio

    O Senhor seja louvado, grande descoberta, igual só quando a caravela Pinta trouxe a noticia da descoberta da América pelo Colombo. Exultemos então todos… O Centeno só pode estar lélé da cuca e o pior é que ele acredita mesmo nas palavras que diz.

  3. Joaquim Amado Lopes

    Fico à espera da notícia de que PS assinou acordos com BE, PCP e Verdes, numa cave da Assembleia da República e um de cada vez, sobre “os processos de ajustamento necessários para reformar o sistema económico”.
    Suponho que o acordo com o PCP seja relativo à administração pública (para reforçar o controlo desta por parte dos sindicatos), o com o BE seja relativo ao mercado de trabalho e às empresas (para acabar de vez com o investimento) e o com o PEV seja relativo à inovação (para despejar cada vez mais dinheiro em eólicas e estações de carregamento de viaturas eléctricas que estão 99% do tempo às moscas).

  4. tina

    “O Centeno só pode estar lélé da cuca e o pior é que ele acredita mesmo nas palavras que diz.”

    Dizia-se o mesmo de Sócrates, que era um louco ao leme do barco, e acabámos mesmo por ir ter contra as rochas.

  5. Joao Bettencourt

    A austeridade chegou ao fim porque agora chama-se processo de ajustamento em curso. Para a esquerda é tudo uma questão semântica: quando Varoufakis chegou ao MF grego mandou embora a troika, como prometido, e trouxe as instituições…

  6. jc

    amigo Centeno, afinal decida-se lá, somos como a Grécia ou não ? é que lá, pelos vistos tb disseram o mesmo e agora cortam pensões de 360 €.

  7. Gabriel Órfão Gonçalves

    Esperemos que o Centeno não seja como aquele indivíduo que foi pedir um empréstimo para consumo ao banco e saiu de lá acreditando que estava mais rico…

  8. Joaquim Amado Lopes

    Gabriel Órfão Gonçalves,
    O Centeno é mais como o indivíduo que quer aparecer como amigo do que tem dinheiro para gastar (mesmo que não seja dele) e, para o conseguir, concorda com tudo o que o seu “amigo” diga, tenha ou não consciência de que são disparates.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.