Uma Alternativa De Esquerda Estável E Credível

O acordo para um governo de esquerda parece bem encaminhado. António Costa deve estar radiante. Imagens retiradas daqui.

AlternativaEsquerdaEstavel

25 pensamentos sobre “Uma Alternativa De Esquerda Estável E Credível

  1. Pingback: O nosso SYRIZA é aqui | O Insurgente

  2. tina

    O aspeto mais importante a seguir nisto tudo é o jogo de palavras no sentido de querer dar a ideia de que um acordo pode ser elaborado mesmo com estas barreiras intransponíveis. Quando por exemplo diz logo a seguir “mas isso não está em cima da mesa”. Ou seja, tal como o anti-Euro e o anti-Nato não estão, mas logo a seguir vão manifestar-se na rua contra a Nato. Costa vai tentar passar o mais possível um acordo nestes termos, em que só são referidas as plataformas de entendimento e as outras são ignoradas. Cavaco Silva terá mais do que razão se alegar “um problema de consciência” ao não indigitar uma coligação de esquerda, sendo o problema a total desconfiança no trio de manhosos que quer enganar os portugueses.

  3. Tratamos a esquerda como se fossem um cromo ou um desenho animado… depois não nos queixemos quando fizerem de nós d. quixotes!
    Já escrevi que o erro da direita é não perceber que a esquerda vai governar “ a la” direita. E o golpe de estado não é porque a esquerda usa a maioria parlamentar para governar à esquerda mas porque usa a maioria parlamentar para usurpar o poder e governar sem grande distinção da direita.
    O PCP …
    “trata-se de um primeiro grupo de quatro textos legislativos versando áreas e temáticas diversas – reposição das 35 horas na administração pública, revogação da alteração à Lei da IVG, complementos de reforma, reposição de feriados –, como parte de um conjunto mais vasto de iniciativas que o Comité Central do PCP identificou e aprovou com vista à sua apresentação na Assembleia da República, no quadro da intensificação da sua intervenção e acção política a todos os níveis.“

    Onde está a reivindicação da reposição imediata da sobretaxa? Do aumento do ordenado mínimo? Da baixa do IVA? Do aumento da reforma de sobrevivência? Etc, etc?

    *Repor 35 horas na FP ( até podem por 30 horas que isso nada importa). ;*Repor lei da IVG ( orçamentalmente who gives a fu**) ; *complementos de reforma ( 10 milhões ano? – devem estar a brincar); *reposição feriados (não é por aí não!)
    Com estas coisas, irrelevantes, vai o PC bradar aos 7 céus as grandes vitórias do novo governo de esquerda enquanto tudo o resto fica basicamente igual (IRS, ordenado mínimo, sobretaxas, iva, IMI, etc, etc) .

    http://barradeferro.blogs.sapo.pt/

  4. Georgina Santos Monteiro

    @ Olhe lá, Olympus Mons (Outubro 30, 2015 às 11:52), em defesa dos leitores menos bem informados, a V. Exa o pedido, faça a prova dos nove.

    Que linguagem é que utiliza? Português, matemática? Ou aquela de Wittgenstein, aqueles sonhadores, que andam a construir os seus palácios nas nuvens? Longe da realidade?

    É possível definir as coisas um pouquinho no seu sentido, mas para que serve? Qual o problema que deseja resolver?

    Criar riqueza, aumentar o tamanho do bolo?
    Esta constituição portuguesa deve ser eliminada. A nossa actual, está entre as mais ordinárias do mundo, dizem. E o culpado não é o povo, mas essa importação diabólica, à qual nos obrigaram à força. O partido socialista foi fundado na Alemanha, com ajuda dos mesmos. E o partido socialista alemão também anda a destruir o mesmo, não haja a mínima dúvida. Angola, Moçambique, nada eles sabem governar. Só roubar e destruir.

    Os cofres estão vazios, é isso que desejava dizer? Então o diga. Repare o gráfico da evolução da dívida portuguesa, (procure um e olhe muito bem para o mesmo) desde que o Guterres tomou posse, esse animal sujo e engenheiro incompetente e burro, que ainda na oposição dizia, que dava aumentos astronómicos aos malandros, que não queriam produzir conforme a productividade. Lembra-se? Porque é que o Guterres andou a mentir ao povo e a rebaixar o nível intelectual deste belo país? Porque, quando ele com as mentiras lá chegou ao poder tão desejado, esse animal e camelo, não fez o prometido. De qualquer maneira, fez mal.

    A esquerda governar à direita? V. Exa é maluco?! No melhor dos casos. Primeiro procure e julgue a culpa dos ladrões. A austeridade está para ficar, claro, quem gasta mais do que ganha. Como é que pode ser diferente? O povo fora de Portugal é livre e só vai emprestar a quem manter a palavra dada.

    O PCP deve ser proibido, de imediato. Eles só fizeram mal a este país, desde o primeiro dia.

    Et cetera.

  5. O comentário da Georgina Santos Monteiro foi redigido por um algoritmo de um estudante da universidade nova relativo à computação IA (inteligência artificial)… Não foi?
    Ao estudante universitário que fez o código peço que se identifique para que o possamos congratular!

  6. tina

    A Georgina é uma mente extraordinária, daquelas que simplesmente diz o que pensa, e pensa melhor do que o resto. Eu, que sempre pensei que os socialistas e as pessoas de esquerda em geral eram macacas e burras, sempre me contive. Mas a partir de agora, nunca mais! Vocês são todos uns macacos, burros, estúpidos, mal amanhados, preguiçosos, indiferentes, ignorantes, medíocres, ouviram???

  7. IS

    Creio que há um conjunto de incompatibilidades que fragilizam a credibilidade desta alternativa de esquerda.
    Off topic : subscrevo a opinião de Olympus Mons (17:07) e acrescento que a pessoa em causa para além de ter características de troll que interpela sistematicamente quem emite opinião sobre os posts publicados com uma vulgaridade repetitiva é um caso dramático de iliteracia coadjuvada por absoluta estupidez.

  8. Georgina Santos Monteiro

    @ Cretino IS (Outubro 30, 2015 às 21:49), você não se compreende a si mesmo.

    Mais uma vez, cretino. Em que é que se baseia a ciência, diga lá, burro? Crer não é saber, não é camelo? E se tivesse mais respeito pelo próximo? Por todos os próximos?

  9. Nuno

    Hoje ou amanhã, antes ou depois de formarem governo, o desentendimento é garantido porque há tantos socialismos como há socialistas.

  10. IS

    Off topic
    A pessoa iletrada Georgina Santos Monteiro não sabe distinguir o simples comentário e a crítica do insulto vulgar e persiste nas referências despropositadas ao seu nível.
    Coloca no espaço do Insurgente dezenas de comentários escritos com um nível linguístico medíocre e erros ortográficos ridículos típicos de pessoas com senilidade ou baixa escolaridade e.g. “O que é que o povo tem de haver com /morreu à muito tempo/à pouco tempo/sonhar de / pôr as perguntas nos is /olhe lá/ V. Exa dá muito para rir e agradece com “Não, obrigado”.
    E, é esta pessoa que pateticamente rotula e contesta tudo e todos sem nexo, com o repetitivo “burro/camelo” , gíria deselegante e referências inúteis e inconsequentes.
    Provavelmente num acto desesperado pretende que alguém se lembre que ela pateticamente existe, tem opinião e supostamente defende convicções da direita mais tradicional.
    Como tem enorme dificuldade em ler e interpretar o que lê insiste no “cretino IS” quando já lhe respondi e expliquei anteriormente que se tinha enganado no género.Se o objectivo fôr ridicularizar ou impedir os meus comentários (competência que só reconheço aos autores do blog) lamento mas não vai conseguir porque não prescindo da minha liberdade individual de opinião onde , quando e sempre que achar pertinente. Como abomino ignorância também não prescindo de assinalar e corrigir erros ortográficos de quem dissemina iliteracia. Convém que se lembre que o que escreve diz muito sobre si.
    IsabelS

  11. tina

    Georgina, não se preocupe com que o IS diz, o seu nome é abreviado de ISIS, diz tudo o que ele representa, a esquerda fascista que quer calar os outros para sempre, especialmente aqueles que se distinguem, os superiormente inteligentes, aqueles expõem a verdade a nu e cru, que não têm medo de nada, que desafiam os tabus de esquerda e que os expõem como os fascistas que eles são. Nem lhe responda.

  12. tina

    Olympus, mesmo que fosse como diz, o que acontece é que a esquerda não consegue poupar, não têm nenhuma disciplina, capacidade gestora, etc. Tudo o que eles sabem fazer é gastar e taxar para compensar os gastos. É por isso que o peso do Estado ainda é tão grande e os impostos também. A tendência continuaria, pois é este o caminho mais fácil, que serviria como uma luva à esquerda preguiçosa e indolente.

  13. Georgina Santos Monteiro

    @ Ao cretino IS (Outubro 31, 2015 às 00:23), e eu já lhe escrevi pelo menos uma vez, o género, burra ou burro, nada muda. O conteúdo é o mesmo, cópia inédita de Wittgentstein.

    Não compreende isto, burro? Burros da sua qualidade, IS, são do pior que este belo país pode conhecer. Reprovado. Toda a sua crítica não só é inútil, como errada.

    É um direito do ser humano fazer erros ortográficos, burro! E criticar neste plano é decadente, querido. 😉 Todas as cópias inéditas são e só podem ser burros.

    E pior de tudo, mentiroso, o cretino IS é no fundo do seu coração um racista, a coisa mais ordinária e abominável. O fascista da esquerda é tal igual.

    Estudou sociologia? Psicologia? Então só chapadas é que lhe retiram essa doença maligna.

    O cretino IS insiste, eu devo chamar-lhe burra, mas não, eu digo: BURRO!!

    Todas as faculdades de sociologia, ciência política, e psicologia (os padres perversos da sociedade moderna e naturalmente esquerda) deviam ser fechadas e pôr os professores a arrancar batatas. Ajudava muito. A maldade que esses a nós fizeram, filhos dos macacos.

    A liberdade protege-me, burro IS. E as suas falsas afirmações para nada servem. Nem a si.

    Vocẽ nunca aprendeu a argumentar correcto, nem sequer de ciência algo percebe. O que o (!) burro, repare no género, faz, é utilisar o “argumentum ad hominem”. (A coisa mais) Abominável e uma forma de racismo. Triste parte de Portugal. Viva a pobreza honesta e abaixo com os burros de caviar ou sem caviar.

  14. Georgina Santos Monteiro

    @ A perfeição, cara tina (Outubro 31, 2015 às 08:06)

    A sua argumentação é correcta é incontestável, indiscutível! Não existe argumento que eles possam utilizar! Só roubar e iludir e mentir e o “argumentum ad hominem”.

    Sem respeito e cortesia, nunca haverá progresso.

  15. IS

    Off topic
    A pessoa “tina” (nome próprio grafado com minúscula inicial ) 07:40 enganou-se porque se tivesse lido o que escrevi não teria feito essas afirmações nem associações falsas e/ou despropositadas. Vá ler!

  16. tina

    “Todas as faculdades de sociologia, ciência política, e psicologia (os padres perversos da sociedade moderna e naturalmente esquerda) deviam ser fechadas e pôr os professores a arrancar batatas. Ajudava muito. A maldade que esses a nós fizeram, filhos dos macacos.”

    Pôr os professores a arrancar batatas e pô-los no lugar de uma mãe que quer dar comida aos filhos mas não a tem porque o socialismo arrasou com a economia do pais.

  17. Georgina Santos Monteiro

    @ IS (Outubro 31, 2015 às 12:11), em que é que ela se enganou? Deixe-se por favor de alusões. Aprende a citar em concreto. Não sabe? Nulidade do IS. Não ande a gastar o nosso tempo precioso em subtilezas de valor nenhum.

    Olhe para o seu umbigo.

    Assente-se e escreva 5.000 (cinco mil) vezes:

    eu, IS, sou um diabo do “argumentum ad hominem”, do pior dos crimes. Eu, de ciência nada sei. E nada desejo saber. Erros ortográficos são um direito humano. Viva a probreza honesta. Abaixo com os burros de caviar ou sem.

  18. IS

    Off topic
    Relativamente à intervenção de Georgina Santos Monteiro devo dizer que não precisa de repetir ideias para desesperadamente tentar conotar-me com ideologias e partidos porque não convence. Se não tivesse as dificuldades de leitura e de interpretação que revela já teria percebido.
    Todos os comentários são tão excessivos, repetitivos, medíocres e estéreis que soam a falso.

    NB.: Fica a explicação para alguns dos diversos erros cometidos neste espaço pela pessoa que, com clara falta de civismo, privilegia o insulto a calúnia e a difamação e que usa sistematicamente o registo vulgar -“burro/filhos dos macacos/macaco inteligente/racista/gajo/puta/nosses fregueses “- entre outros palavrões e gíria para referências aleatórias , estúpidas e descabidas sobre quem comenta.
    -A grafia correcta do verbo Utilizar é com “z”;
    -a sintaxe do verbo Sonhar prevê a construção sem preposição ou com a preposição -com- e nunca “sonhar de” ;
    -“E quem querer guerra” está errado porque a formal verbal correcta é quiser;
    -“O que é que o povo tem de haver ” (erro repetido) está errado porque “ter a haver” significa que tem a receber. Ter que ver / ter a ver com é a expressão correcta;
    -“morreu à muito tempo” (erro repetido a ignorar a correcção feita) é um erro gramatical grave de pessoa que confunde o uso do verbo Haver e à = contracção da preposição “a” + artigo definido no feminino singular “a”;
    – “sózinho” (só+-zinho) adjectivo sem acentuação;
    -“Não, obrigado” – é a forma gramatical de agradecimento de um emissor masculino. É basico!

  19. tina

    O IS é um típico funcionário público, retrógrado, preocupado com coisas pequeninas como a ortografia, que só lê em português, nunca deita os olhos a um jornal estrangeiro, fica sempre pela imprensa nacional, o DN preferivelmente, só lê livros de autores portugueses, quando muito literatura traduzida, nunca deita os olhos a nada científico, e é nesse pequeno contexto que as suas conversas são desenvolvidas. Português pequenino do Portugal pequenino.

  20. IS

    “tina”, essa resposta continua a não ser para mim . Enganou-se! Insiste em conclusões e juízos de valor que são meramente um exercício de vacuidade. Pedia-lhe que não comente os comentários que escrevo neste espaço porque a opinião de pessoas com dificuldades similares às de Georgina Santos Monteiro não me interessa.
    Obrigada.
    IsabelS

  21. tina

    ahahaha, ainda faz mais sentido, uma mulher, deve ser professora de português, encaixa na perfeição o perfil que fiz. Então, vá lá ensinar ortografia aos seus alunos, parece que é tudo o que sabe.

  22. Georgina Santos Monteiro

    @ IS (Outubro 31, 2015 às 13:21)

    Você confirma tudo o que eu quiz afirmar sobre si. Tudo.

    Não compreende o significado do argumentum ad hominem? Nunca lhe ensinaram a argumentar?

    Um exemplo, citação:
    “JPP é um homem culto e assertivo, um historiador fascinante e um político experiente. […]”

    Dizer isto sobre o Pacheco Pereira, é pregar a vacuidade, burrO IS!

    Pacheco Pereira culto?
    Culto em relação a quê, burro?
    Assertivo? Grande gargalhada! Assertivo em relação a quê, burro?
    Um historiador fascinante? Que adora o culto da morte e diz e ensina a estupidez? Burro? Que tal?
    Um político experiente? Em relação a quê? Burro! Experiente em saber roubar e enganar. Não é? Um historiador? Que talvez nem a própria casa sabe pôr em ordem? O marxista, um assassino!

    O IS não tem uma consciência pura, mas PERVERSA!!

    O artigo, donde citei as suas palavras, tem de haver com o facto, de o seu querido Pacheco Pereira, não conceder o mesmo direito aos outros e mentir e QUERER enganar os outros E DESTRUIR a democracia!!

    Ter a lata, de INSINUAR AO POVO, que uma parte do mesmo povo é de segunda classe ou de terceira? Os fascistas muçulmanos FAZEM o MESMO, desgraçada e burra IS.

    Desde quando é que um burro da sua qualidade deseja me dar lições em ciência? É preciso ser mais que cretino. Tonto. Insistir nisso, sem nunca poder apresentar uma única prova, e não querer aprender, que não existe uma única.

    Você é a maldade e a estupidez em pessoa!

    Eu tenho razão em dizer, você é um burro. Está tudo correcto. O burro é que tem que mudar. Porque o nível é tão ordinário? Pior do que isso. Estes burros ofendem todo o povo, até aqueles que dizem defender.

    Se não querer ser mais titulada burro, DEIXE DE SER UM! Tão simples.

    Eu sei resolver todos os problemas deste país!

    Você, UM BURRO, nunca contribui uma única só vez, para resolver um! Só poeira, vacuidades, burro!

    E tudo a culpa da escola amadora dos discípulos de Aristoteles? Vocẽ nem de defininções algo sabe. É mesmo burro. Mas porque é que deseja ser BURRO, burro?

    Eu repito: Você é a maldade e a estupidez em pessoa! Uma coisa que o seu muito querido JPP tanto nega. Pois, ele é burro.

    A ditadura moralista da esquerda foi sempre inexistente. Tiveram tempo, destruiram este belo país, semearam ódio e pobreza. Você é a prova. Contra a verdade não há remédio.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.