claramente inconsistente III

“(…) A existência de um serviço público financeiro – um sistema bancário detido pelo Estado e submetido a critérios e objetivos determinados pelo mandato político e não pelo estrito interesse de acionistas privados – é essencial à democracia. (…) Ora, a importância sistémica do setor bancário prova a necessidade do seu controlo democrático. Para além de ser condição para a transparência e o escrutínio, a propriedade estatal é indispensável à garantia de orientação para o interesse público e não pelos critérios particulares e de mera maximização da remuneração dos seus donos. “Uma das medidas para alteração da estrutura da propriedade bancária deveria ser a conversão em propriedade estatal dos benefícios ou créditos fiscais contabilizáveis como fundos próprios dos bancos, um primeiro passo para a nacionalização dos mesmos”. Mas uma política de controlo público da propriedade bancária deve terminar o ciclo insustentável de recapitalização dos bancos pelo Orçamento de Estado. Assim, o controlo público deve envolver uma reestruturação dos passivos bancários, hoje equivalentes a 311% do PIB, negociada com todos os credores da banca, por ordem de importância, e que proteja os depositantes.”, no manifesto eleitoral do Bloco de Esquerda às eleições legislativas de 2015 (pp. 6 e 7).

4 pensamentos sobre “claramente inconsistente III

  1. Euro2cent

    Ena. Deve ser para aí a trigésima quarta pessoa que lê isso (incluindo os revisores do texto), e provávelmente a única que quer fazer disso argumento político.

    (“Não é que haja mal nenhum nisso”, como dizem nas internetes.)

  2. Euro2cent

    Já agora, não é que o título das postas ajude.

    “Claramente inconsistente” não me parece que seja, a prosa do BE até nem é mal parida, comparada com o que para aí anda.

    Quando muito, será incompatível com a prosa do PS (se existe, não sei se essa quadrilha publica teoria), mas não se bispa nas postas o “quod erat demonstrandum” do busílis.

    (Por mim não me aquece nem arrefece muito, as diferenças entre liberais com e sem dinheiro são sempre um bocado mesquinhas.)

  3. Dário

    “Ora, a importância sistémica do setor bancário prova a necessidade do seu controlo democrático.”

    Ora, a importância sistémica da agricultura prova a necessidade do seu controlo democrático.
    Ora, a importância sistémica da indústria prova a necessidade do seu controlo democrático.
    Ora, a importância sistémica do turismo prova a necessidade do seu controlo democrático.

    Vá lá não sejam modestos na ambição. Nacionalize-se tudo, que assim é muito melhor para o país. Vamos lá pôr os camaradas do partido a controlarem tudo e a encherem o bandulho “democraticamente”. Vivá democracia (popular, já se vê).

  4. Bruno

    Negociada com os credores por ordem de importância??…Já estou a imaginar aos detentores de títulos de dívida desses bancos. Em que escola é que esta gente andou??

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.