Acerca do programa do PS (5)

Recomendo a leitura integral do resumo do programa “Conversas Cruzadas” na RR que juntou Manuel Caldeira Cabral, Daniel Bessa e Álvaro Santos Almeida. Mas para já destaco as palavras de Caldeira Cabral quanto à evolução salarial que contrariam o discurso oficial do PS.

“A ideia da remuneração por trabalhador cair tem a ver com o crescimento do emprego ser, em grande medida, previsto tendo em conta as condições do mercado”. “Não é os salários caírem – prevemos que os salários de quem já está empregado cresçam ao ritmo da inflação, mas não mais – é os novos empregos continuarem a estar com salários abaixo da média”, defende.

“Ou seja, o aumento do emprego gera uma diminuição do salário médio. É essa a ideia que está no modelo para ser realista. Não acho que se deva ter grandes aventuras de grandes aumentos salariais, poria em causa a competitividade(…)

.

Um pensamento sobre “Acerca do programa do PS (5)

  1. JoaoMiranda

    Isso é a confissão de que a descida da TSU dos trabalhadores é absorvida pelas empresas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.