Acerca da requisição civil e do serviço público

Parece que daqui a uns minutos Pires de Lima fará uma declaração sobre a greve da TAP. Se parece certo (e bem) que esta não terá alterado os planos para a privatização a notícia deixa a dúvida sobre a possibilidade do governo recorrer à “requisição civil” para impedir a greve.

Tal como noutras ocasiões espero que não faça recurso de um instrumento que apenas deve ser invocado em situações de excpção e em que as consequências colocariam em causa algo algo bem mais sério (uma greve dos controladores aéreos, por exemplo).

Se já no plano estratégico é muitissimo difícil justificar o controlo público da TAP, o que estas sucessivas greves demonstram é que entre alguns dos seus funcionários não existe qualquer espírito de missão que justifique a atribuição do estuto “serviço público”.

4 pensamentos sobre “Acerca da requisição civil e do serviço público

  1. Emigrante reformado

    Afunde-se a TAP, já, antes que façam a 120ª greve em 40 anos fora as greves de solidariedade.

    Sempre me indignaram estas greves certinhas e infalíveis nas minhas vindas na Pascoa, Natal e Dezembro a terrinha.

    O pai da “indignação”, que eu não sabia que era filho do senhor prior, diz no DN que esta greve é uma greve patriótica.

    Ora como os administradores e sindicalistas abrilistas das EP`s são tão patriotas, porque é que nos trazem refens há 40 anos?

  2. Miguel Noronha

    Eu recordo-me bem quando estas ameaças de greve era resolvidas de forma recorrente através da requisição civil. Por estranho que pareça (como escrevia hoje o Miguel Madeira) apenas davam força aos qua advogavam o suposto “serviço público”. Se não me engano acabavam (meses depois, é certo) a ser anuladas pelo tribunal devido a não se verificarem os pressupostos da RS,

    Acho que foi só após a entrada do Fernando Pinto que se acabou com isso.

  3. JP

    Guterraram na RTP. Espero que não guterrem na TAP. Estas guterrâncias e teorias do diálogo custaram muitos milhares de milhões ao país. Chega.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.