Os evangélicos e os mormons são tramados*

Christians are being deliberately attacked because of their faith across parts of the Muslim world and even martyred for their faith in large numbers, the Archbishop of Canterbury has warned.

*Não esquecer um tal de estado etno-religioso não cristão.

Fotografia: Pravmir.com

8 pensamentos sobre “Os evangélicos e os mormons são tramados*

  1. CN

    Portanto, as consequências de uma política externa e militar intervencionista, com a ingerência sistemática nos regimes, conflitos, seguido de invasão, ocupação, bombardeamentos diários com drone em N Estados de uma cultura em particular, conta como argumento. Típico de um socialista, a cada intervenção e consequência, mostra como provas as consequências da sua própria acção.

  2. mggomes

    Atitude tipicamente socialista parece-me ser a de ignorar ou, pior ainda, distorcer os factos, misturando indiscriminadamente causas e consequências.

    Mesmo tendo inúmeras reservas – nalguns casos completa discordância – quanto às intervenções no âmbito da dita “Primavera árabe”, não consigo sinceramente perceber como pode essa ingerência servir de justificação para os actos praticados.

    Como explicar então as sistemáticas perseguições religiosas em zonas que não foram alvo de qualquer intervenção?

    Faz quase 20 anos já Huntington descrevia as “Fronteiras Sangrentas do Islão”.
    O fenómeno não é recente. E nem nessa altura era novo!

    Backlash?!?!
    Nem pensar!

  3. Lucklucky

    “…as consequências de uma política externa e militar intervencionista…”

    É preciso ser ignorante das culturas e do islamismo.
    E como se não existissem consequências da não intervenção. Por exemplo 11 de Setembro não diz nada?

    “Atitude tipicamente socialista parece-me ser a de ignorar ou, pior ainda, distorcer os factos, misturando indiscriminadamente causas e consequências.”

    Ora bem,
    Na sua obsessão o CN está ao nível de todos os esquerdistas para quem tudo o que o não branco faz é uma reacção ao branco.
    Como se não tivessem vontade própria, cultura.

  4. Francisco Colaço

    José Maia,

    Os evangélicos, os católicos e uma facção menor de mórmones estão na lista dos elementos perigosos, mandada cá pr’a fora pelo Pentágono. Os islamitas radicais estão cá para baixo na lista.

    Ainda estou para conhecer algum caso de um protestante ou um católico andarem a queimar igrejas ou mesquitas pelos Estados Unidos afora, ou mesmo até pelo Mundo.

  5. ruicarmo

    “Churches in Minya province had to cancel Sunday Mass for the first time in 1,600 years.”
    Perante esete exemplo, O CN chega a ser engraçado.

  6. joao

    O CN é um infeliz que ainda não percebeu que o que une os atentados terroristas em Mumbai, em Bali, na Chechénia, em Moscovo, no Kénia, na Nigéria, no Afeganistão, no Paquistão no Iraque, no Egipto, na Siria, no Libano, em Londres, em Madrid, em Boston ou Nova York etc é uma só coisa chamada islão, a maior religião supremacista e intolerante que apela ao assassinato dos não crentes, considerados seus inimigos pelo profeta. Ele acredita mesmo que se o ocidente abdicar do seu papel e já agora, se nos convertermos todos, os atentados acabam e o islão dará por terminada a sua missão.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.