Vai ser MESMO necessário fazer reformas estruturais

“Fim da troika?” de Pedro Pita Barros (Momentos Económicos)

O fim do programa de ajustamento não significa o fim da troika em Portugal. Significa apenas que a acção do Governo não precisa de seguir um Memorando assinado com entidades externas, mas nem por isso as decisões que sejam tomadas deixarão de ser seguidas e provavelmente influenciadas pela troika enquanto credora.

O principal desafio para o fim do programa de ajustamento é que tenhamos feito algum ajustamento de facto que permita a economia portuguesa retomar um caminho de crescimento. Se tudo o que sucedeu durante estes anos do programa de ajustamento foi suster a respiração debaixo de água à espera que a onda passe, sobretudo no funcionamento do sector público, então continuaremos a ter dificuldades no futuro.

A discussão sobre o futuro depois do programa de ajustamento não pode ser como fazer despesa pública que não se teve oportunidade nestes últimos anos. O horizonte de 2015, com eleições legislativas, não augura nada de bom

4 pensamentos sobre “Vai ser MESMO necessário fazer reformas estruturais

  1. Tiro ao Alvo

    As pessoas são capazes de entender, mas não são “estruturias”, são estruturais.

  2. ricardo saramago

    Os senhores do governo dizem que quando os homens maus se forem embora recuperamos a soberania e vai haver outra vez empregos, reformas e voltam os feriados.
    O meu amigo Alfredo disse-me que ouviu o pai dizer que os alemães têm que mandar dinheiro porque senão os portugueses não compram Mercedes.
    A nossa professora Manuela disse que o dinheiro não pode acabar enquanto a constituição não deixar e que os meus avós não podem ficar sem reforma porque precisam.
    Estou ansioso que a troika se vá embora para que os meus pais não estejam sempre a discutir sobre o preço da sportTV.
    Quando for grande quero ser polícia para prender os alemães e os bancos.
    O meu avô disse que quando o Gaspar se for embora volta tudo a entrar nos eixos.
    A minha avó diz que a roubalheira vai continuar, mas eu acho que é só para irritar o meu avô.
    A minha mãe disse que o nosso presidente também tem fé e fez uma promessa à nossa senhora de Fátima.
    Eu disse à minha mãe que o Jesus, que é filho da nossa senhora e tudo, perdeu o jogo da final e minha mãe disse que me dava um par de estalos se eu não me calasse.

  3. Antonio

    Perguntem à Merkel porque é que o comerzbank e o deutsch bank tiveram de fazer nestas últimas semanas os aumentos de capital. Quando se souber vamos ter surpresas ….. .

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.