Bravo

Gande discurso de Pedro Passos Coelho. Não há: aumento de impostos nem mão estendida ao estrangeiro a suplicar mais dinheiro e mais tempo para fazer o que só os portugueses podem fazer, a receita do Tó-Zero Seguro, que quer converter Portugal num país de pedintes crónicos. O seu melhor discurso de sempre. Sem margem para dúvidas.

8 pensamentos sobre “Bravo

  1. mggomes

    Been there, done that…
    O problema é que com este tipo de gente “discurso liberal” rima com “aumento de impostos brutal”…
    É só uma questão de tempo até chegar a factura.

    Não consigo encontrar diferenças entre estes socialistas e os outros.
    Uns aumentam os impostos por convicção. Outros a contragosto.
    Vai dar ao mesmo e é menos sério..

  2. Pingback: Nunca pensei vir a ter tanta vontade de ouvir Seguro | O Insurgente

  3. JP

    Muito bom mesmo. Finalmente, com conteúdo politico.
    Agora vamos ver o outro senhor a fazer vento com as mãos.

  4. silver

    Estava a pensar justamente o mesmo caro Jorge.Um pequeno grande problema:, que credibilidade tem o discurso,depois de ter dito o mesmo há dois anos na campanha e não o ter passado para a prática? É um pouco falacioso guiarmo-nos pelo discurso: esquecemo-nos que há uma prática por trás

  5. ricardo saramago

    Passos veio confirmar o que já sabíamos – não tem dimensão política para aproveitar uma oportunidade como esta.
    Não é homem para virar o jogo a seu favor, subindo a parada e apresentando algo de novo.
    Vai continuar tudo na mesma, em pior.

  6. Mas ainda há gente que acredita em discursos políticos? Este foi um grande discurso? Há mais de 10 anos que ouço hoje uma coisa e amanhã fazem outra… Mas não sei de quem é a culpa: se de TODOS os mentirosos, interesseiros e vigaristas que povoam a política portuguesa (DE TODOS OS QUADRANTES) ou do povinho que há mais de 30 anos, sempre com um orgulho cívico desmedido os colocam a mandar em nós…

  7. Joao

    Pois. Mas como já disseram aqui … falar grosso é fácil … pior é depois ir tramar os mesmos.

  8. Pingback: Sem convulsões maiores que se notem | O Insurgente

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.