O que não se pode é destocar uma campaínha

De resto, até não é impossível que as condições do confisco cipriota venham a ser alteradas, com uma taxa inferior – 3% – para os aforradores com depósitos abaixo dos 100.000 euros e uma taxa de 12% para os depósitos acima desse valor.

Ao fim do dia, como diz Ricardo Saramago, «num sistema monetário fiduciário o colapso da confiança dos depositantes significa o colapso da moeda. O dinheiro é confiança. Só existe porque há confiança. Desaparecida a confiança não passa de papel e bits de computador. Nenhuma economia resiste ao colapso da moeda.»

6 pensamentos sobre “O que não se pode é destocar uma campaínha

  1. Ricardo Arroja

    Eu não gostaria de estar na pele dos políticos cipriotas…pois um default interno só se faz depois de um default externo. O problema é que neste caso, se se tivesse optado pela alternativa justa, segurando os depositantes e não os credores séniores dos bancos cipriotas, o Estado teria de suportar a carteira de depósitos nos bancos e, sem o apoio da zona euro, só o conseguiria fazer fora do euro.

    Enfim, mais um episódio de uma agenda de dominação que em Bruxelas se prossegue em prol de um projecto falhado, o euro. A auto-determinação dos povos na Europa, nomeadamente no sul da Europa, é cada vez mais um mito. E, assim sendo, isto só pode acabar mal…

  2. “isto só pode acabar mal…”

    Está a acabar mal. A partir daqui só pode piorar.

    E, se temos um Primeiro Ministro e um Ministro das Finanças sem perceberem nada do que está a acontecer, temos e isso assusta ainda mais, um líder da oposição totalmente irrealista que vem agora pedir para avançarmos para uma federação!

  3. JP

    “temos um Primeiro Ministro e um Ministro das Finanças sem perceberem nada do que está a acontecer”

    Não tenho nada contra o facto de você pensar assim.
    O que me assunta é que entro num café e constato que toda a gente sabe como é que é preciso fazer.
    É tudo fácil. É quase um problema de duas variáveis: baixa-se o IVA dos restaurantes e os clientes enchem logo o estabelecimento.
    E com os tudólogos encartados é a mesma coisa.

    Isto só não vai acabar mal porque já acabou mal há muito tempo. Nós é que fazemos de conta que não sabemos.
    O problema é que agora não há empréstimos para disfarçar.

  4. Miguel Noronha

    “O dinheiro é confiança. Só existe porque há confiança”
    Exacto. Como dizia um amigo meu em tempos, a moeda fiduciária é na fidúcia ou confiança. Contrariamente ao papel onde é impresso que é relativamente abundante a confiança é um bem escasso. E quando acaba não há impressoras que nos valham.

  5. JS

    O mundo ao contrário: esta “Europa” e este “Euro”.
    A relação Banco / Depositante tem por base uma hierarquia de confiança.
    Assim, aceitar o édito Troiko/Europeu seria, será?, o fim do sistema bancário. Repare-se:

    Em caso de erros na administração de um Banco, as perdas bancárias têm que ser sustentadas , em primeirissima mão, pelos accionistas.
    Seguidamente, indubitavelmente, pelos depósitos de Alto Risco, e por isso bem remunerados.
    Seguir-se-iam perdas nos de mais baixo risco/remuneração.
    Por fim, mas cobertos pelos respectivos Estados e pela “Europa!”, em maior ou menor grau, os depósitos simples, sem remuneração.

    O que assistimos em Chipre, é o mundo da hierarquia bancária nacional ao contrário. Só ouvimos falar como critério, já de si um abuso, independetemente do tipo de depósito, acima defenido, que todos são cega, e igualmente, esbulhados para esconder o passe de mágica da finança/governo que é transformar papeis impressos, com uma lengalenga qualquer, em valor real colectável pelos mágicos!!!.

    Os accionistas?. Os maus -ou boms, depende do ponte de vista- administradores do Banco?. Provavelmente já levaram merecidos dividendos e prémios … com o assentimentos do Governo e do Governador do Banco Nacional.
    Aonde é que já vimos esta história? …

  6. Pingback: O Chipre vota hoje a sua permanência no euro | O Insurgente

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.