Mais Tempo

Hoje, Portugal pede mais tempo para reembolsar empréstimos da troika.

Há precisamente um ano (24 de Janeiro de 2012) era “Não pediremos mais tempo nem mais dinheiro“.

4 pensamentos sobre “Mais Tempo

  1. Há uma enorme diferença entre pedir mais tempo para ajustar o défice (o que significaria mais dinheiro) e pedir mais tempo para amortizar (o que significa diminuir as necessidades de refinanciamento nos próximos anos).

  2. Miguel Noronha

    Concordo. Mas também é revelador de uma arrefecimento das expectativas de retorno aos mercados.

  3. André

    Há um ano, quando os juros de obrigações bateram máximos (Jan/Fev) assumir que se queria mais tempo e mais dinheiro, era suicidio.

    Agora, apesar das razões serem as erradas, é pertinente que se peça mais tempo.

    Cumprimos, merecemos.

    No entanto era imperativo continuar com o ajustamento. Continuar não, começar, sff. Porque isto de aumentar impostos e fazer medidas a vulso não é nada.

  4. jem

    Este post é um disparate. Confunde mais tempo no processo de correcção do défice com alargamento da maturidade de obrigações. Shame on you…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.