A televisão pública, essa garantia da independência da imprensa

Entre uma administração dependente do partido que governa em cada altura, uma comissão de trabalhadores cada vez mais dominada pelos partidos de esquerda e uns canais internacionais subjugados aos interesses diplomáticos do momento, alguém consegue encontrar a tal independância que para muitos continua a justificar os milhões lá investidos pelos contribuintes?

Anúncios

Um pensamento sobre “A televisão pública, essa garantia da independência da imprensa

  1. A democracia não depende de uma TV independente, no sentido de neutral. O que exige é pluralidade. Nesse sentido a RTP pode contribuir para a pluralidade, mas tal não implica que tenha de ser paga na integra pelos nossos impostos. Se o estado quiser apoiar algumas produções da RTP que considere serem de interesse público não vejo porque não, mas deve fazer o mesmo nos outros canais. Por exemplo, um jogo de futebol da selecção é de interesse público (ou não) independentemente de ser transmitido pela RTP, TVI ou SIC.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.