No Fio da Navalha

 

O meu artigo de hoje no i.

O fracasso do messias

Em Dezembro de 2007, o comentador Andrew Sullivan escreveu um artigo para a revista ‘The Atlantic’, apoiando Barack Obama na corrida à Casa Branca. Chamava-se “Goodbye to All That”. Tudo isso era a divisão social e racial que feria a América desde a década de 60 e que Bush tinha acentuado. Obama, achava Sullivan, um mestiço nascido nos anos 60, o homem além desses problemas, era a pessoa ideal para apagar as divisões que extenuavam os norte-americanos. Era ainda a forma de os EUA fazerem as pazes com o mundo, o que quer que isso significasse. O artigo exagerava, mas traduzia o que se sentia na época e fez Obama ganhar em 2008.

Quatro anos passados percebe-se porque falhou. Não recuperou a economia, até porque a sua candidatura, sendo anterior à falência do Lehman Brothers, não visava isso. Também não uniu a América, como se vê nestas eleições. A sua eventual vitória dividi-la-á mais ainda, pois os votos contra Obama são fruto do desespero causado pelo desemprego e pela hipoteca do futuro, a que a dívida pública obriga.

Obama não conseguiu também melhorar a imagem dos EUA no exterior. Se as críticas à América são menores, é mais devido à condescendência com que se olha para as suas dificuldades que a uma mudança de opinião. A crise americana é um bálsamo que tonifica a alma de muitos. O que significa que nem fracassando conseguiu Obama a aprovação de terceiros. Mesmo que seja reeleito, o legado deste messias é o fracasso.

Anúncios

3 thoughts on “No Fio da Navalha

  1. Paulo Pereira

    A economia nos EUA está a crescer desde Julho de 2009 e o emprego privado a aumentar desde Setembro de 2009.

    Ou seja B. Obama teve um grande sucesso económico.

  2. A. Cabral

    Só gostava de saber a razão por que as televisões portuguesas nos massacraram com sucessivas peças a favor de Obama durante este período de campanha e tentaram cobrir de ridículo o outro candidato a ponto de, imagine-se, nos tentarem convencer de que ele não sabia por que não se podiam abrir as janelas dos aviões!!! Seráque os portugueses votam nas eleições americanas?

  3. jose mota

    A razão é pq a esquerdlha que domina os media tem a mania que é superior moralmente ( uma nova forma de racismo). Reparem como a direita americana é caricaturizada pelas referencias a Deus. No entanto de há 4 anos a esta parte é normal ouvirmos os apoiantes de Obama dizerem sem se rirem ” ele é o novo messias…foi Deus que o colocou na casa branca” e os media a fazerem a apologia da endeusamento ( culto da personalidade ) de Obama. Isto é ridiculo, tendo em conta que os democratas tentam sempre ridicualrizar os republicanos, mas o seu beatismo por Obama é demais.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.