Deviam criar um imposto especial para punir quem escreve coisas destas

O jornalismo é «um património colectivo» e a luta «das redacções e dos jornalistas, hoje, é uma luta de todos nós, cidadãos», afirmam os subscritores

9 pensamentos sobre “Deviam criar um imposto especial para punir quem escreve coisas destas

  1. 7anaz

    Faz lembrar os “trabalhadores” da rtp a dizerem, em notícias próprias, que ela é um património de todos nós. Vão mas é todos encher-se de moscas!

  2. Jaques Towakí

    Neste tipo de greves corre-se sempre o risco que se descubra que até se passa bem sem um serviço supostamente “imprescindível” especialmente um serviço supostamente público que pode ser fornecido por entidades privadas sem custos (directos) ao público em comum. Depois o caldo fica entornado…contudo, esta greve é capaz de surtir o mesmo efeito que a choradeira da RTP conseguiu e assim apanha-se o caldo do chão e volta-se a colocar no “tacho”. O público come tudo que lhes espetar à frente…Enquanto não se der razão à razão…

  3. Por óbvio conflito de interesses, deviam todos esses se inibir de comentar em casa própria.
    Já basta a Teresa Guilherme a dizer que “os portugueses escolheram, os portugueses decidiram…”.
    Falem por eles. Não por nós.

  4. lucklucky

    Essa gente passou os último 10 anos a estar enganado e a mentir. È o que querem dizer quando falam de validar notícias…

    Depois dos media segue-se a escola ideológica estatista…

  5. tina

    “A redução do número de trabalhadores no sector e o desinvestimento nas redacções conduzem «a uma perda de rigor, de qualidade e de fiabilidade, que terá como consequência, numa espiral recessiva de cidadania, a desinformação da sociedade, a falta de exigência cívica e um enfraquecimento da democracia», lê-se na mesma carta.”

    São mesmo palhaços. Lembram-se quando no debate decisivo das últimas eleições entre PPC e Sócrates, PPC ganhou sem qualquer margem de dúvida e os jornais disseram todos que foi um empate??? O jornalismo que eles fazem é que é um verdadeiro perigo para a democracia. Foi graças a terem escondido a verdadeira situação do país que Sócrates ganhou pela segunda vez e, não contentes, ainda queriam que ele ganhasse uma terceira vez!…Os jornalistas portugueses são uma das razões principais por que Portugal está como está. Não só os políticos, mas também os jornalistas deviam responder em tribunal pelas suas ações.

  6. Joshua

    ” Lembram-se quando no debate decisivo das últimas eleições entre PPC e Sócrates, PPC ganhou sem qualquer margem de dúvida …”

    Ainda bem que recorda este acontecimento. Não sei se o PPC ganhou ou não, sendo os parâmetros de avaliação para isso baseados apenas na forma e na estética, deixando o conteúdo de lado. Mas as mentiras que o PPC afirmou estão claras no debate. Lembro-me de ele afirmar que a descida da TSU era auto-sustentada pois automaticamente(fruto da descida da contribuição do empregador) haveria criação de emprego (como diz a cartilha “neoliberal” mais deísta) sem ser necessário compensações. Há muitas mais, é ver: Debate Pedro Passos Coelho José Sócrates .

  7. hcl

    “O jornalismo é «um património colectivo» ”

    Atenção malta de esquerda!!!!
    Oportunidade.
    Vendo barato a minha parte do «património colectivo» ou troco por pastéis de belém.

  8. Alexandre Carvalho da Silveira

    Uma “lufada de ar fresco” nos media portugueses: um grupo angolano desconhecido, comprou a Controlinvest do “amigo Joaquim”, ou seja Diário de Noticias, Jornal de noticias, TSF e o Jogo. Pode ser que seja desta que nos vejamos livres das cretinices do Marcelino!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.