A febre primaveril ainda arde

Professor egipcio (copta) é condenado a seis anos de prisão por ter publicado na sua página do facebook desenhos de Maomé e comentários ofensivos ao presidente, Morsi. Há liberdades que nunca chegam.

9 pensamentos sobre “A febre primaveril ainda arde

  1. lucklucky

    Na Argentina a tirania avança:

    “The online payment service said that from 9 October: ‘Argentina resident Paypal-users may only send and receive international payments.’ Last year the Argentine government announced restrictions on the purchase of U.S. dollars. It has led to an increase in currency sales on the black market — but Paypal’s exchange rates are better. Locals were setting up two accounts under different email addresses and transferring money between the two, exchanging local currency pesos for dollars in the process.”

  2. Carlos Guimarães Pinto

    Deve ter sido a resposta à condenação por blasfémia das pussy riot. É uma mensagem clara aos cristãos de que ainda ganham em fundamentalismo.

  3. Aladin

    A comparação que o CGP faz, é intelectualmente desonesta.
    As raparigas não foram condenadas por blasfémia, mas sim por desacatos anti-Putin, no interior de um local de culto. Embora a Rússia não seja um estado de direito, sublinhe-se.
    Mas se, por exemplo, um grupo de manifestantes anti-Passos Coelho entrasse numa igreja, ou numa mesquita, ou numa sinagoga de Lisboa, e se pusesse a fazer macaquices no local de culto, poderiam ser alvos de queixa e eventual condenação, como é óbvio.
    O caso egípcio é radicalmente diferente. A blasfémia é crime em si mesma. Trata-se da sharia, caríssimo CGP.
    Mas enfim, você sabe isso perfeitamente…

  4. Aladin

    De resto, já foi várias vezes votada nas Nações Unidas uma Resolução ( patrocinada pela OCI), que pede a criminalização da blasfémia e a crítica ao Islão. E, não por acaso, sucedem-se os líderes muçulmanos que, nestes últimos dias, exigem isso mesmo. A começar por Erdogan.
    Do que se trata é de impor, de jure, a sharia. ( uma vez que, de facto, ela já vigora, dado que apenas alguns corajosos se atrevem a “blasfemar” contra o Islão, e a consequência é a fuga permanente à execução, como consta no ultimo livro de Salman Rushdie).

  5. Carlos Guimarães Pinto

    Aladin, a blasfémia dá prisão em muitos países não muçulmanos, como a Polónia, Israel e a Índia. Em muitos outros dá direito a multa pecuniária. Obviamente, a punição dado à blasfémia em muitos países muçulmanos é muito superior, mas não é um exclusivo dessa religião.

  6. Carlos Guimarães Pinto

    Rui, não houve uma primavera russa há 22 anos? A coisa está a demorar a ajustar-se também por lá 🙂

  7. ruicarmo

    A condenação a seis anos de prisão (e o post) não têm apenas a ver com o caso de blasfémia. Nem a criatura invadiu uma mesquita. Usou a sua conta pessoal do facebook para os desenhos de Maomé e “insultar” o presidente egípcio.
    E Carlos, o que houve foi uma Primavera da Europa de Leste. E, em traços gerais, com bons resultados.

  8. Aladin

    ” blasfémia em muitos países muçulmanos é muito superior, mas não é um exclusivo dessa religião.”

    CGP, não acredito que você não conheça o assunto. O Novo Testamento não é lei, o Antigo Testamento não é lei, nenhum livro sagrado de nenhuma outra religião é lei ou principal fonte da lei, em nenhum país do mundo.
    Na Polónia e na India desconheço, mas em Israel, a blasfémia não é punida por lei, pelo que ignoro onde o CGP foi buscar esse argumento.
    Mas na religião islâmica a blasfémia é crime e como o Corão e a suna são as principais fontes da lei em todos os países muçulmanos, o crime é imperativo característico das sociedades islâmicas.
    Os casos não islâmicos em que a blasfémia e criminalizada, são pontuais e incaracterísticos. No caso islâmico, fazem parte da matriz civilizacional.
    O seu argumento comparativo é semelhante àquele que compara a situação global da mulher nos países muçulmanos, com casos isolados em sociedades ocidentais.
    É um argumento desonesto.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.