Um mal menor

Quando há um ano e meio criticava o governo socialista e as loucuras do seu líder, fazia-o com a consciência tranquila de quem sabia que nada do que viesse a seguir podia ser pior do que aquilo. Hoje, apesar da insatisfação com alguns dos atalhos que o actual governo decidiu escolher para percorrer o seu caminho, não arrisco pensar o mesmo. Afinal, sei que correr o risco de entregar o país de novo nas mãos de um PS que não aprendeu com o passado é escolher a morte certa. Prefiro depositar esperanças numa mudança de rumo, ainda que temerosa e lenta, de um governo que, apesar de tudo, não tem no seu currículo um aumento brutal da dívida e a condução do país à iminência de bancarrôta, do que contribuir para criar as condições necessárias para o regresso triunfante de quem contribuiu decisivamente para cavar o buraco em que estamos.

Anúncios

13 pensamentos sobre “Um mal menor

  1. fernandojmferreira

    Um “mal menor” continua a ser um mal… Da mesmo para perguntar “How voting for evil has been working out for you?”

  2. manuel.ferreira

    VAMOS SER RAPIDOS E DIRETOS… …..
    É ABSOLUTAMENTE NECESSARIO…
    UMA REFORMA FISCAL E TRIBUTARIA…IMEDIATA E URGENTE…….. … ISSO É QUE É SER INOVADOR…MODERNO …DIFERENTE…E MELHOR…
    I.V.A. — Imposto sobre o Valor Acrescentado … ( imposto sobre o consumo ).
    I.P.P. — Imposto Poluidor Pagador … ( imposto sobre a poluição ).
    I.J.A.T. — Imposto sobre Jogo , Alcool , Tabaco … ( imposto sobre os vícios ).
    I.S.I. — Imposto sobre as Importações … ( imposto sobre produtos importados ).
    ESTES SÃO OS UNICOS IMPOSTOS JUSTOS QUE DEVEM EXISTIR…
    AGORA VEM A LISTA DOS IMPOSTOS …
    ……… QUE DEVEM SER IMEDIATAMENTE ABOLIDOS…E SER ATÉ CRIMINALIZADOS…
    Imposto sobre o trabalho—–NUNCA DEVIA TER EXISTIDO…
    Imposto sobre a produção—–INADMISSIVEL…
    Imposto sobre a poupança—–INCOMPREENSÍVEL…
    Imposto sobre o investimento—–INTOLERÁVEL…
    É ESTA COLOSSAL INJUSTIÇA FISCAL…que deve ser corrigida urgentemente…
    É ESTE ESTADO CEGO SURDO E MUDO…que deve ser reinventado novamente…
    É ESTA FILOSOFIA FISCAL…que deve ser melhor , diferente , e mais humana…
    O ESTADO RECEBE EXATAMENTE O MESMO VALOR…MAS SÓ DE FORMA JUSTA…!!!

  3. fernandojmferreira

    Manuel Ferreira,
    Nao ha tal coisa, impostos “justos”… Dizer que ha “impostos justos” e’ o mesmo que dizer que ha “roubos justos”…

    Mas gostei essencialmente do “imposto sobre os vicios”… O estado “castiga-me” por comportamentos que so a mim me dizem respeito… E o “imposto sobre os produtos importados” tambem e demais…

  4. paam

    Depois da entrevista ao Tó Zé fica latente a forma como foge às perguntas, o discurso altamente demagógico, e o facto de não saber fazer contas.

    Quase me esquecia da arrogância. “Quando eu for primeiro ministro…” Esta personagem apenas pensa no seu interesse próprio e tudo fará para chegar ao poder. É mais perigoso do que parece.

  5. tina

    Incrível! O PSD tem feito todo o possível para chegar aos objectivos, desde PPPs, fundações, salários, etc. e ainda é preciso pensar duas vezes se é melhor ele ou um PS que trouxe levianamente o país à bancarrota. Não há dúvida que é extremamente perigoso, até mesmo fatal, ir aos bolsos das pessoas, elas deixam de pensar logicamente.

  6. edgar

    De mal menor em mal menor, nas últimas décadas, pela mão do PS e do PSD, com mais ou menos tempero do CDS, chegámos à situação actual.

  7. tina

    “pela mão do PS e do PSD”

    olha este a querer deitar areia para os olhos dos outros. Sócrates aumentou a dívida em 93% em 6 anos, o PS governou nos últimos 15 anos antes de Sócrates demitir-se e agora o PSD vem ao barulho! Não, a bancarrotade Portugal foi somente da responsabilidade dos socialistas.

  8. JS

    T.L.- Deus o ouça, independetemente de Sua existência ou não.
    Ataca-se o bombeiro que tenta apagar um fogo, que outrem ateou, tendo apenas escaços recursos e servindo-se de um manual cheio de instruções confusas e nunca testadas.
    Para mais os pirómanos (alguns, colegas de profissão) em redor, aos pulos em gritaria estridente!.
    O presente senhorio (a Troika) até mora longe.
    Os inquilinos, que não se entendem, só estão em pânico. Não é fácil.

  9. Paulo Pereira

    A incompetência e ignorãncia macroeconomica do Passos / Gaspar afastaram os liberais ainda mais do poder em Portugal !

    O Passos / Gaspar instigam o mito de que o liberalismo é favorecer os patrões contra os mais pobres !

  10. Pingback: Top posts da semana « O Insurgente

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.