E agora, Paulo Morais?

Vieira da Silva afasta “qualquer risco de conflito de interesses” dos deputados que integram comissão da `troika`
O presidente da comissão de acompanhamento do programa da `troika` esclareceu hoje que aquela comissão parlamentar não tem “competência legislativa” e que está afastado “todo e qualquer risco de conflito de interesses” dos seus membros relativamente às privatizações.

Será agora, que esta situação está esclarecida, que o paladino da transparência na política irá finalmente arranjar tempo para falar sobre os conflitos de interesse ligados à maçonaria, como prometeu há seis meses atrás?

5 pensamentos sobre “E agora, Paulo Morais?

  1. Não Interessa

    Eh lá. Bem se vê o nível das criaturas, quando até o Paulo Morais já começa levar por não dançar a compasso.

  2. Miguel Noronha

    Não interessa que as acusações do PM não tenham o mínimo de fundamento. O que interessa é denuciar. Se é verdade ou não é irrelevante.

  3. hcl

    “conflito de interesses” é uma cena que não assiste políticos portugueses.

    “a transparência do parlamento tem sido colocada em causa”. O horror, a injustiça, a tragédia, a mentira, o escândalo.

    Os políticos portugueses são os melhores “indignados”. Aposto que os políticos gregos também são grandes “indignados”.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.