Everyone’s a socialist

Miguel Cadilhe propõe imposto de 4% sobre riqueza líquida para pagar dívida pública

Apesar de tentar dourar a pílula assegurando que as famílias de menor rendimento e as pequenas empresas ficariam de fora e empregando lirismos tipo “tributo solidário”, o que é certo é que esta proposta é muito semelhante a tantas outras típicas do Bloco de Esquerda (taxar as grandes fortunas, os bancos, os banqueiros, etc).

Atrevo-me a ser mais corajoso que Miguel Cadilhe: se o eventual imposto de 4% seria suficiente para pagar 10 a 15 pp de dívida pública (face ao PIB), faça-se um imposto de 40% sobre a riqueza que será suficiente para pagar toda a dívida… e assim tudo pode começar de novo. Era bom, não era?

Um pensamento sobre “Everyone’s a socialist

  1. lucklucky

    E como sempre depois dos impostos sobre os “ricos” segue-se os impostos sobre as outras classes. Eles precisam dos impostos sobre os “”ricos” para depois poderem taxar os outros.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.